Instagram libera recurso para publicar Reels por outras plataformas

Recurso do Instagram permite que usuários publiquem vídeos no Reels por outros sites; TikTok anunciou ferramenta idêntica na terça-feira

Felipe Freitas
Por
Instagram (Imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)
Sharing to Reels permitirá que usuários publiquem vídeos no Instagram a partir de outras plataformas (Imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)

O Instagram anunciou na quinta-feira (12) a liberação do Sharing to Reels para todos os desenvolvedores. O recurso, que começou a ser testado no ano passado, permite que usuários publiquem como Reels vídeos produzidos em outras plataformas. Com o lançamento da API para devs, plataformas populares devem anunciar em breve a compatibilidade com o Sharing to Reels.

Chacrinha dizia que nada se perde, nada se cria, tudo se copia — e a máxima segue até hoje. Na quarta-feira, o TikTok anunciou o lançamento do Direct Post, recurso que é igual ao Sharing to Reels. Dessa vez, não dá para dizer que o Instagram copiou o rival. Mas é difícil negar que a Meta deve ter sentido o empurrão para esse lançamento depois que o TikTok anunciou o Direct Post.

O Sharing to Reels permitirá que criadores de conteúdos, editores de vídeo e profissionais de social media publiquem vídeos de outras plataformas diretamente no Reels. Por exemplo, se a Twitch desenvolver o suporte para o recurso, um streamer poderá publicar um clipe direto no Reels, sem ter que baixar o conteúdo, abrir o Instagram e só então publicar o vídeo.

Sharing to Reels é mais uma arma na luta Insta vs. TikTok

Publicações no feed do Instagram
Instagram quer ampliar o uso do Reels permitindo que vídeos sejam publicados por outros lugares (Imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)

O Sharing to Reels (já disponível para algumas plataformas que integraram o período de teste) é mais um recurso para a Meta ganhar espaço contra o TikTok. A empresa de Mark Zuckerberg investe pesado nos Reels e uma ferramenta desse tipo daria mais opções para os usuários publicarem seus vídeos.

O problema é que o TikTok sai na frente por ter grandes serviços entregando o recurso, como é o caso da Twitch, DaVinci Resolve, Adobe Premiere Pro e SocialPilot (plataforma de gerenciamento de redes sociais). No caso do Instagram, o Smule e VivaVideo são os principais apps compatíveis com o Sharing to Reels.

Uma coisa em comum entre o Direct Post e o Sharing to Reels é que as duas redes sociais estão promovendo a agilidade de compartilhar o vídeo com apenas um clique. No entanto, será curioso ver como as plataformas que adotarem essas ferramentas divulgarão seus nomes após o compartilhamento no Instagram ou TikTok.

Com informações: TechCrunch

Relacionados