Pequenos provedores, TIM e Vivo lideram em satisfação com banda larga

Entre as grandes, Vivo e TIM são as operadoras com maior satisfação de banda larga fixa; Claro empata com Oi no 3º lugar

Lucas Braga
Por
• Atualizado há 2 anos
Cable Modem da banda larga Claro NET Virtua. Foto: Lucas Braga/Tecnoblog
Satisfação da banda larga da Claro/NET caiu em 2020 (Imagem: Lucas Braga/Tecnoblog)

A Anatel divulgou uma pesquisa sobre a qualidade percebida dos serviços de telecomunicações em 2020, e houve queda na satisfação geral da banda larga fixa. As melhores colocações foram provedores de internet de pequeno porte; das grandes operadoras, TIM e Vivo ficaram na frente da Claro/NET, Sky e Oi.

TIM e Vivo são as grandes com melhor colocação

A operadora com a melhor posição no ranking é a Unifique, com nota 7,76, seguido pela Brisanet, com 7,73 – ambas são consideradas prestadoras de pequeno porte (PPPs) e disputam o 1º lugar. A Anatel coloca Algar, TIM e Vivo na segunda posição e Claro/NET, Sky e Oi no terceiro lugar. Veja o índice completo:

Colocação Provedor Satisfação geral em 2020 Diferença
1º lugar Unifique 7,76 -0,26
Brisanet 7,47 +0,26
2º lugar Algar 7,13 +0,27
TIM 6,91 -0,05
Vivo 6,80 +0,02
Sercomtel 6,65  -0,04
3º lugar Claro/NET 6,52 -0,29
Sky 6,08 +0,09
Oi 5,78 -0,24
4º lugar HughesNet (satélite) 4,86 -0,80
Média das operadoras 6,51 -0,12

A Anatel destaca que os temas com as melhores avaliações são: cumprimento do prazo combinado para instalação; qualidade da instalação do serviço; tempo de espera entre a solicitação de instalação e a visita do técnico; clareza das informações na conta; e cumprimento do prazo combinado para reparo.

Já os itens com piores avaliações são: tempo de espera para falar com atendente; resolução do cancelamento de serviços ou pacotes; resolução do problema de cobrança; resolução do problema de funcionamento; e resolução da alteração de plano ou condição comercial.

Um dado importante é que dois entre cada três contatos com as empresas de banda larga são para falar sobre algum problema de funcionamento, e 43,9% das solicitações envolvem pedidos de reparo. A maior parte dos atendimentos foi feita via telefone, e a segunda plataforma mais utilizada são canais online (site ou app da operadora).

PB tem melhor satisfação de banda larga; RJ fica abaixo da média nacional

O estado brasileiro com a maior satisfação de banda larga é a Paraíba, com média de 7,37. O índice foi puxado pela Brisanet, que se manteve no 1º lugar com avaliação de 8,12. Vivo e Claro disputam o 2º lugar, e a Oi é a última colocada, com nota 5,97.

Já a pior satisfação é no Tocantins, com média de 5,93, bem abaixo da média nacional. A primeira colocada é a Claro, com nota 6,58, seguida pela Oi com 5,76.

Dos mercados mais importantes, São Paulo teve a satisfação média de 6,55, pouco acima da média nacional. O provedor com melhor resultado foi a Algar, e no segundo lugar disputam Vivo e TIM. A Claro se mantém na terceira colocação em conjunto com a Sky, e o pior índice é o da HughesNet, com nota 4,69.

No Rio de Janeiro, a satisfação em 2020 também foi abaixo da média nacional. A TIM é a prestadora que figura no 1º lugar do ranking, enquanto Vivo e Claro disputam a segunda posição. A Oi novamente aparece como a última colocada, com nota 5,35.

As informações completas para cada estado estão disponíveis no painel de dados do consumidor da Anatel.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Lucas Braga

Lucas Braga

Repórter especializado em telecom

Lucas Braga é analista de sistemas que flerta seriamente com o jornalismo de tecnologia. Com mais de 10 anos de experiência na cobertura de telecomunicações, lida com assuntos que envolvem as principais operadoras do Brasil e entidades regulatórias. Seu gosto por viagens o tornou especialista em acumular milhas aéreas.

Canal Exclusivo

Relacionados