Ir para o conteúdo.

Início » Gadgets » Japoneses criam o primeiro cabo de energia que estica

Diferente dos demais eletrônicos, cabos de energia não acompanham a evolução tecnológica. Sim, concordo que talvez eles não precisam acompanhar, só mesmo mudar de formato para serem encaixados em buracos diferentes. Mas sabemos que podem ter funcionalidades diferentes, como a Apple demonstra com o seu magsafe, que já está no mercado há anos. Foram os japoneses (sempre eles!) que finalmente trouxeram algo diferente para essa área: os cabos de energia elásticos.

A invenção é da empresa japonesa Asahi Kasei e eles dizem que a inspiração do projeto partiu do tecido Spandex (ou elastano, em bom português), que foi criado para se expandir e contrair de acordo com as curvas do corpo humano. Eles descobriram que esse tecido se estica por um fator de 1,5, que foi o alvo que eles almejaram com a criação do cabo. Isso facilita a criação de equipamentos eletrônicos específicos para serem usados no corpo, além de ajudar no caso de robôs humanoides.

Um dos próximos passos da empresa será expandir a tecnologia para outros cabos, como cabos USB por exemplo. Veja o vídeo abaixo demonstrando o funcionamento de alguns protótipos.


(Vídeo no YouTube)

Com informações: Engadget.

21 Comentários (Deixe o seu!)

  • Yangm
    1c

    O mãe, compra pra mim? Compra! Compra! Compra!

  • Gaba
    1912c

    Bah… acho que pra fone de ouvido não serviria… não ficaria puxando pra baixo?

    • Só se for usado ESTICADO.

  • Legal. Dá pra fazer as execuções na cadeira elétrica ficarem mais atraentes… joga o cabôclo de bungee jump e liga! \o/

    • Yangm
      1c

      Thumb up por comentário.

    • Kkkkkkkkk…. Foda!

  • Vinicius Kinas
    1099c

    Se eles diminuírem esse coeficiente de elasticidade, ficaria legal. Pode reparar que pra esticar o cabo de energia, precisa um ferro em cima pra segurar, senão levaria o notebook junto, ou soltaria da tomada. ;)

  • Na verdade, eles apenas usaram a filosofia de cabo enrolado como macarrão de telefones antigos, e usaram uma capa externa flexível.
    Além disso, eu gosto de cabos que não esticam. Por exemplo: quantas vezes meu mouse só não caiu no chão porque ficou pendurado pelo cabo?

    • guilherme

      mouse com cabo?

      • Blek Zarioky
        2c

        Carregar o mouse? (Ou pior, PILHAS?)

      • @leozacche
        412c

        mouse? ;-)

      • Yangm
        1c

        Thumb up por comentário para o @leozacche.

  • Turdin
    3346c

    Agora dá para fazer aquela roupa de Tron!

    hahah

    • Douglas
      16c

      Pensei a mesma coisa rs

      • motomagx
        39c

        seria mto massa!

  • GustavoUNQ
    1256c

    Realmente tem umas coisas que precisam evoluir muito ainda…
    Espero que seja liberada comercialmente essa aí.

  • Ok, minha dúvida: por fora tá tudo bem, mas e por dentro? Porque cobre não é flexível, pelo menos não a esse ponto. Como eles resolveram esse estica e puxa? Formas espiraladas? Mas isso geraria outro problema, pois transformaria o cabo num indutor, e isso não seria nada bom para equipamentos elétricos ao redor (indutores geram campos magnéticos à partir da variação elétrica e, por contra partida, geram variação elétrica devido à variação de campos magnéticos ao redor dele)

  • @brunogdb
    4239c

    Esse japas inventando ideia hahaha

  • Daqui um dia eles vão usar essa tecnologia para esticar outra coisa, hahahahahahaha

  • O que foi que houve, ñ podemos fazer comentarios nas noticias do Yahoo! Brasil, kd a democracia deste pais de terceira.

  • pena não haver forma de esticar o salário no final do mês

Deixar comentário:

Leia | Política de Comentários.