Início » Negócios » Lenovo decide voltar a usar marca da Motorola

Lenovo decide voltar a usar marca da Motorola

E volta o cão arrependido...

Paulo Higa Por

A Lenovo fez de tudo para esconder a Motorola, adotando o nome Moto by Lenovo em detrimento da marca icônica de celulares — tente procurar por “Motorola” nos anúncios oficiais do Moto Z ou Moto G5 para entender o que estou dizendo. Pelo visto, a estratégia não deu muito certo: agora, a fabricante quer colocar o antigo nome em todos os lugares, inclusive em mercados onde a Motorola não era uma marca tão forte.

Em entrevista ao CNET, o presidente da Lenovo na América do Norte, Aymar de Lencquesaing, diz que a empresa pretende migrar para a marca da Motorola em todas as regiões no futuro, mas o prazo depende da força do nome no país. O Brasil é citado como um dos mercados onde a Motorola ainda tem uma marca forte, enquanto na Rússia é a Lenovo quem se dá melhor.

A mudança deve acontecer até mesmo na China, país de origem da Lenovo. Por lá, a empresa possui uma marca própria para smartphones, a Zuk — que deve sumir gradativamente para dar lugar às asas da Motorola. Só não está claro quanto tempo a transição vai demorar: “Você não vira a chave e avisa os consumidores do dia para a noite”, diz Lencquesaing.

O timing é bem curioso, para dizer o mínimo. Para começar, estamos vendo marcas icônicas ressurgirem no mercado: a BlackBerry, que desistiu de produzir smartphones, vê sua marca estampada em aparelhos direcionados ao público corporativo produzidos pela chinesa TCL, dona da Alcatel. O maior caso de sucesso, claro, é a marca da Nokia, que voltou a fazer barulho com um produto chamado de Nokia 3310.

Mas o principal motivo deve ser o dinheiro: a Lenovo simplesmente não anda bem no segmento de smartphones. Ela foi atropelada por suas rivais conterrâneas, como Huawei, Oppo e BBK, que já ocupam a terceira, quarta e quinta posição no mercado global de smartphones, e demitiu 97,5% dos funcionários da Motorola Mobility em quatro anos. Na própria China, as vendas de smartphones e tablets da Lenovo chegaram a despencar impressionantes 85%.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Flavio Silva

Perfeito seu comentário. É como o filho de um traficante vendo seu pai morto pelos outros traficantes e querer seguir a mesma vida no tráfico! Vai morrer também...Lógico!!!

Sandro Henrique
Já ouviram falar em custo? Lenovo deve trazer praticamente 100% do hardware made in Xing-Ling. Nos testes de bancada se vê que o celular parece estar inferior aos modelos anteriores da MOTO... Essa tal "economia", numa escala muito longa, pode significar uma bela porcaria de celular, já a curto prazo. Ao mesmo tempo, um lucro gigantesco para quem assume a marca a partir de agora. Ou vocês acham que a Lenovo investiria na compra de uma empresa com a garantia da mesma "qualidade"... Basta olhar a série ThinkPad. Não esqueçam que estamos no mundo capitalista!
Ricardo da Silva
Posso afirmar categoricamente: a construção do hardware de um celular Samsung intermediário de hoje, em especial a PCB, supera muito o hardware de um Motorola G4 e outros intermediarios da Motorola ! A qualidade de construção do hardware se truduz em certeza de maior segurança, de que se o celular cair várias vezes da sua mão ele vai continuar funcionando!
Ricardo da Silva
Não adianta querer usar a marca Motorola se o hardware é de qualidade de um Lenovo chinês. Vi um G4 ser aberto por um colega meu e me deu vergonha o que vi ali. Uma placa que lembrou aqueles primeiros PCB de fenolite mais baratos usados em videocasse dos anos 90/ 2000: Uma fibra de vidro daquelas baratinha e duvidosa! Tinha uma blindagem que cobria o SOC e circuito aixiliares feita toda de Cobre com uma finissima camada de verniz transparente. A impressao é que se pegasse com ali com a mão ia tudo oxidar ( ficar preto) com o tempo. Ja abri um V3i e a PCB de fibra de vidro dava orgulho de ver. Coisa de primeirissima linha, era fina e super resistente. Meu V3i caiu no chao centenas de vezes e nunca queimou. Os Samsung de hoje também são exemplares na construçao das placas. Os que tive nunca queimaram ou deram defeitos ao cair da minha mão.
José Jefferson
Lenovo e sua mania de tira e bota casaco.
JOSE HAROLDO SENA DE O. FILHO
A Motorola tem primeiro fazer smarts decentes. Façam uma busca no Google: Moto G4 Reclame aqui. Ninguém satisfeito. Inclusive eu.
JOSE HAROLDO SENA DE O. FILHO
Eu gostaria que o fabricante resolvesse de vez o problema de meu MOTO G 4 PLAY antes de qualquer mudança de marca.
Vitor Aleksandr
Um remake do v3 nem seria tão mal assim X________X
Armando Figueirêdo
A maior burrice da Lenovo foi mexer em algo que não sabe. Pode até ter uma marca forte na China com essa tal de Zuk, Zuckerberg, sei lá, mas no ocidente, o buraco é mais embaixo. Motorola sempre foi forte por aqui, aí do nada chegam executivos, os que se acham o tal, querem ditar as próprias regras e tomam naquele lugar. O mundo corporativo não é fácil! Não basta ter apenas dinheiro pra comprar marca A ou B e depois fazer o que quiser dela. Planejamento, análise de mercado etc são coisas fundamentais pra um negócio dar certo. E desde que a Lenovo comprou a Motorola, ainda não conseguiu lucrar. E foi por causa de um errinho simples. Lenovo é forte em PCs, Motorola no mundo mobile. Os chineses tem que entender que as coisas funcionam com cada macaco no seu galho.
Emerson Fiore Palma Guesa
Pra mim Motorola é bem mais "top of mind" no Brasil do que Lenovo.. a galera aki só conhece lenovo pelo notebook e olhe lá...!!
Leonardo Teixeira
Finalmente uma boa ação.
Rodrigo Gomes
A linha Moto ficou uma bela b*sta depois que a Lenovo comprou a Motorola.
Don Ramón
Queria entender o que se passa na cabeça de quem toma as decisões dentro de algumas companhias. A Lenovo comprou uma marca extremamente conhecida e conceituada no universo mobile, e em vez de explorar e faturar com tal feito, escondeu a marca famosa. Ora, por mais que o Google tenha "depenado" as patentes da Motorola, sua marca num smartphone vale muito mais que a própria marca Lenovo! E eu achando que o que a Microsoft fez com a Nokia (uma das maiores sacanagens e BURRICES da história do mundo da tecnologia) tinha servido de "amostra grátis" para as demais companhias do ramo...
Edvaldo Andrade Almeida Neto
Possuo um Notebook da Lenovo e não tenho nada para reclamar, mas quanto aos Smartphones, realmene eles são bem fracos (pelo menos por aqui). Nenhum amigo meu tem rs
André G
Antes de querer apagar a Motorola eles deviam fazer a marca Lenovo crescer, mas não conseguiram, no Brasil os smartphones da Lenovo não fizeram sucesso.
Exibir mais comentários