Início » Computador » Samsung deve lançar Exynos 2200 com gráficos da AMD para PCs e celulares

Samsung deve lançar Exynos 2200 com gráficos da AMD para PCs e celulares

Com arquitetura ARM e gráficos AMD Radeon, Exynos 2200 pode ser anunciado pela Samsung no segundo semestre de 2021

Emerson Alecrim Por

Quando a Apple anunciou o chip M1, uma pergunta pairou no ar: será que a novidade irá “inspirar” outras marcas? Parece que sim. São fortes os rumores de que a Samsung lançará o Exynos 2200, um processador com tecnologia ARM e gráficos AMD Radeon que poderá equipar notebooks Windows e smartphones da marca.

Samsung Exynos (Imagem: Reprodução/Gizmochina)

Samsung Exynos (Imagem: reprodução/Gizmochina)

Não que laptops com chip ARM sejam novidade para a Samsung. Basta lembrarmos que, em 2019, a companhia lançou o Galaxy Book S com chip Snapdragon 8cx, da Qualcomm. O modelo chama atenção por duas características: o tamanho ultracompacto e a bateria com autonomia de até 23 horas.

É provável que o desempenho tenha desagradado, porém. A suspeita reside no fato de, no ano seguinte, a Samsung ter lançado um Galaxy Book S com processador Intel Core i5-L16G7 (Lakefield).

Mas, se os rumores sobre o Exynos 2200 forem verdadeiros, teremos a prova de que a Samsung não desistiu de chips ARM em PCs. Os burburinhos apontam que o modelo terá estrutura semelhante à do Exynos 2100 que aparece na linha Galaxy S21.

Não está descartada a possibilidade de o Exynos 2200 equipar celulares da marca — talvez o futuro Galaxy Z Fold 3 seja um deles. Mas o foco deve ficar mesmo sobre o segmento de laptops.

No desempenho geral, o suposto novo chip da Samsung pode fazer frente ao Snapdragon 888 ou ao Apple M1, pelo menos até certo ponto. Para tanto, o Exynos 2200 contará com tecnologia de 5 nanômetros e unidade gráfica AMD Radeon, se os rumores estiverem certos, embora o modelo da GPU não tenha sido informado.

Os rumores atuais reforçam os que surgiram em fevereiro que diziam que a Samsung trabalha em um computador com chip Exynos e gráficos AMD. A expectativa é a de que o equipamento seja anunciado no segundo semestre de 2021.

Com informações: The Korea Economic Daily, Android Central.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
6 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Claudio (@claudio)

Finalmente o mercado se mexendo pra correr atrás do prejuízo estratosférico que a Apple gerou com o M1!

² (@centauro)

Pois é, a vantagem de ser responsável pelo hardware e software juntos.
Por mais que outras empresas consigam avançar com o desenvolvimento de um chip ARM próprio, elas acabam ficando dependentes da habilidade/vontade da MS em desenvolver uma versão do Windows que rode bem em ARM e tenha o suporte ao principal, que são os programas.