Início / Notícias / Aplicativos e Software /

Windows 11 dá mais um passo rumo à lenta morte do Painel de Controle

App Configurações do Windows 11 agora pode desinstalar atualizações do sistema, opção que antes era restrita ao Painel de Controle

Por

A Microsoft continua no processo de eliminar as partes legadas de versões passadas de seu sistema operacional. A mais nova build do Windows 11 passa recursos do antigo Painel de Controle para o aplicativo de Configurações.

Área de trabalho do Windows 11. (Imagem: Windows/Unsplash)
Área de trabalho do Windows 11. (Imagem: Windows/Unsplash)

A build 22523 foi distribuída no canal de desenvolvedores do programa Insiders. A versão não traz grandes mudanças, mas uma delas é sintomática.

Agora, é possível desinstalar atualizações usando o app Configurações. Antes, o recurso era restrito ao Painel de Controle. Por outro lado, o novo aplicativo agora conta com um link para a página de Programas e Recursos do bom e velho painel.

Não é a primeira vez que a Microsoft incrementa as Configurações, que existem desde o Windows 8, de 2012.

Os adaptadores de rede, o gerenciamento de disco e de unidades de armazenamento e as informações sobre a bateria já têm suas páginas no aplicativo. Esse processo vem desde o Windows 10: em 2020, a empresa migrou as informações do sistema para o novo app.

Legado ou unidade, o dilema do Windows 11

A decisão de remover alguns itens legados é polêmica.

Alguns usuários gostariam de ter um sistema mais coeso tanto em termos de recursos quanto em design. Outros, porém, dependem de recursos que estão presentes há bastante tempo.

É justamente o caso da barra de tarefas do Windows 11.

Windows 11 não terá "arrastar e soltar" para barra de tarefas (Imagem: Reprodução/Windows Latest)
Windows 11 não tem “arrastar e soltar” para barra de tarefas (Imagem: Reprodução/Windows Latest)

Ela tem um visual novo, centralizado, com botões de busca, áreas de trabalho e widgets. Porém, não é mais possível abrir arquivos arrastando um ícone para o atalho de um programa da barra. Isso era importante para o fluxo de trabalho de várias pessoas, que não gostaram nem um pouco da decisão.

Novidades no Alt+Tab e no Explorador de Arquivos

Deixando de lado a questão do Painel de Controle, a build 22523 tem poucas novidades, mas elas são bem interessantes.

É o caso dos Snap Groups ou Grupos de Ajuste. Esse é o nome dado a quando você coloca dois ou mais programas lado a lado, ocupando a tela toda. No Windows 11, eles formam um grupo.

Nova versão do Windows 11 Insider Preview tem grupos de apps no Alt+Tab
Nova versão do Windows 11 Insider Preview tem grupos de apps no Alt+Tab (Imagem: Reprodução/Windows Latest)

Ao colocar o cursor do mouse sobre um dos programas, você tem a opção de trazer todos eles para a tela de uma vez só. Assim, você pode retomar rapidamente suas tarefas que dependem de mais de uma janela.

A novidade da atualização é que esses grupos também vão passar a aparecer no Alt+Tab, dando mais uma alternativa para acessar as janelas. O recurso vinha sendo testado desde a build 22494.

A outra mudança é que, agora, é possível adicionar ou remover servidores de mídia na página Este Computador do Explorador de Arquivos.

Com informações: XDA-Developers