Apple Card é tão brasileiro que, além do parcelamento, ganhou uma poupança

Usuários de cartão de crédito da empresa poderão fazer transferências de outros bancos para a poupança

Felipe Freitas
Por

A Apple divulgou o lançamento de uma nova funcionalidade para o Apple Card, seu cartão de crédito virtual integrado ao seu sistema de pagamentos. Além de poder parcelar as suas compras, os usuários do Apple Pay poderão investir seu dinheiro em uma conta poupança, fornecida pelo banco Goldman Sachs. Assim como o Apple Card, a nova ferramenta só está disponível para os Estados Unidos.

Apple Card
(Imagem: Divulgação / Apple)

Segundo a Apple, a conta poupança, que será integrada ao Apple Pay, possui uma “alta taxa de rendimento” — tão alta que a taxa de juros foi omitida no blog da Gigante de Cupertino. Será possível configurar que o Daily Cash (programa de cashback da Apple) seja depositado automaticamente. E claro, o usuário também contará com a opção de transferir dinheiro do Apple Cash ou de outro banco vinculado ao Apple Pay.

Poupança da Apple: empresa está ampliando seus serviços financeiros

A conta poupança da Apple não terá taxas e nem valor mínimo para depósitos e saldo. Entretanto, será obrigatório que o usuário tenha um Apple Card. Todo o gerenciamento da poupança será feito pelo aplicativo Carteira (Wallet), presente no iPhone.

O uso do dinheiro da poupança não é restrito aos serviços da Apple Pay. Os clientes poderão transferir as suas economias para outros bancos e, claro, usar o valor para abastecer o Apple Cash — uma espécie de “cartão de débito” para pagamento de compras online ou em estabelecimentos comerciais. 

Imagem: Divulgação Apple
(Imagem: Divulgação / Apple)

Com mais essa novidade para o Apple Card, a Apple amplia a sua presença em serviços financeiros. Jennifer Bailey, vice-presidente da Apple Pay e Apple Card, disse que a nova função traz mais benefícios para os usuários — e sim, é verdade. Porém, o anúncio também mostra que a empresa da Maçã quer competir com empresas de pagamento e fintechs. 

Ainda não há previsão de quando o Apple Card chegará no Brasil, mas com a opção de parcelamento e poupança, ele tem chances de conquistar um bom público por aqui.

Daily Cash da Apple: o que é?

O Daily Cash é basicamente o cashback da Apple e dá o maior retorno quando o Apple Card é usado via Apple Pay. Ao comprar com a empresa da maçã ou companhias parceiras, como Uber e Nike, o cliente recebe 3% do valor da compra de volta. 

Em outros estabelecimentos, também usando o Apple Card pelo Apple Pay, o cashback é de 2%. Já o cartão físico devolve 1% do pagamento para o Daily Cash. 

Relacionados

Relacionados