Antiga Multilaser vai fabricar celulares da Oppo no Brasil

Quinta maior empresa de smartphones do planeta anunciará o lançamento do Oppo A58 e do Oppo A79. Evento ocorre nesta quarta-feira em São Paulo.

Thássius Veloso
Por
• Atualizado há 3 semanas
Dois celulares
Oppo A79 é compatível com rede 5G (Imagem: Divulgação/Oppo)
Resumo
  • A Oppo, quinta maior fabricante de celulares do mundo, anuncia hoje a chegada ao mercado brasileiro dos telefones Oppo A58 e Oppo A79 durante um evento em São Paulo.
  • Os smartphones incluem a tecnologia de recarga rápida SuperVooc de 33 W. O Oppo A58 funciona na rede 4G, enquanto o Oppo A79 é mais moderno e se conecta à internet 5G.
  • A empresa chinesa promete oferecer dois anos de garantia para seus produtos.
  • A Oppo firmou uma parceria exclusiva com a Multilaser (agora apenas Multi) para a fabricação e distribuição de seus produtos no Brasil. Ela deve oferecer dois anos de garantia.

A quinta maior fabricante de celulares do planeta está reforçando a aposta no Brasil: a Oppo realiza hoje um evento em São Paulo para anunciar novos smartphones. Além disso, também deve confirmar uma parceria com a antiga Multilaser para fabricação dos itens.

Fontes do varejo contaram ao Tecnoblog que será o lançamento do Oppo A58 e do Oppo A79 no mercado brasileiro. Para cutucar a concorrência, os chineses devem anunciar dois anos de garantia. Será o dobro do praticado atualmente por Apple, Motorola e Samsung, apenas para citar alguns players do mercado: de um ano.

Quem é Oppo?

A fabricante de celulares Oppo foi fundada em 2004. Ela faz parte do Grupo BBK, que também detém marcas como Realme, OnePlus e Vivo. Somente a primeira marca presença no mercado brasileiro, embora com dificuldade de despontar diante de rivais bem mais conhecidas.

No planeta, a Oppo figura em quinto lugar no ranking de maiores vendedoras de telefone, com participação de mercado de quase 9%. Ela fica atrás da Samsung, Apple, Xiaomi e Transsion. Foram 25,2 milhões de aparelhos fabricados no primeiro trimestre de 2024.

Ela está no Brasil desde setembro de 2022, mas tem se mantido quieta nos últimos tempos.

Celular azul
Oppo A58 se conecta à internet 4G (Imagem: Divulgação/Oppo)

Parceria com a Multi

A gigante chinesa não chega sozinha por aqui, uma vez que terá o apoio da Multi na fabricação e distribuição dos produtos. A antiga Multilaser comunicou à Comissão de Valores Mobiliários que fechou um acordo de exclusividade com a Oppo.

“Nessa parceria, a responsabilidade pelo marketing, trade marketing e posicionamento do produto no mercado é atribuição do parceiro”, diz a nota obtida pelo TeleSíntese e confirmada pelo Tecnoblog.

Nós entramos em contato, mas a Multi não se pronunciou sobre o assunto.

Imagem aérea de fábrica
Imagem aérea da fábrica da antiga Multilaser em Extrema, no estado de Minas Gerais (Foto: Divulgação/Multi)

A Multilaser tem experiência com parcerias internacionais. No ano passado, ela encerrou o acordo de fabricação e venda dos telefones da marca Nokia no país. O CEO da empresa, Alexandre Ostrowiecki, me disse numa entrevista exclusiva que estes smartphones já não eram mais tão atrativos para o público consumidor nacional.

Apesar de não haver nenhum anúncio oficial, é sabido que a Multi fabrica os telefones na cidade de Extrema, em Minas Gerais. Já a produção de TVs e motos elétricos fica em Manaus, no Amazonas.

O que esperar da Oppo no Brasil?

O evento da Oppo está marcado para as 18h. Na ocasião, a empresa deve detalhar a chegada dos novos dispositivos, que rodam Android e ColorOS. Ainda não se sabe o preço do Oppo A58 e do Oppo A79.

Os modelos contam com internet 4G e 5G, respectivamente. Também são representantes da linha da Oppo com recarga rápida, que atende pelo nome comercial de SuperVooc.

Há ainda a expectativa de que a Oppo dê fones de ouvido como parte do kit dos novos telefones.

Receba mais sobre Multi (Multilaser) na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Thássius Veloso

Thássius Veloso

Editor

Thássius Veloso é jornalista especializado em tecnologia e editor do Tecnoblog. Desde 2008, participa das principais feiras de eletrônicos, TI e inovação. Na mídia, também atua como comentarista da GloboNews e da CBN, além de ser palestrante, mediador e apresentador de eventos. Já apareceu no Jornal Nacional, da TV Globo, e publicou artigos na revista Galileu e no jornal O Globo. Ganhou o Prêmio Especialistas em duas ocasiões e foi indicado diversas vezes ao Prêmio Comunique-se.

Canal Exclusivo

Relacionados