Início » Negócios » As fabricantes que mais vendem smartphones no Brasil

As fabricantes que mais vendem smartphones no Brasil

Mais da metade dos aparelhos vendidos no país são fabricados pela Samsung, segundo relatório

Paulo Higa Por

Nós sabemos que Samsung e Apple dominam o mercado de smartphones, representando um terço de todos os aparelhos vendidos no mundo. E no Brasil? As consultorias fazem relatórios de vendas de celulares no mercado nacional, mas os números não são divulgados à imprensa e ficam restritos aos clientes, como fabricantes e operadoras, por questões contratuais.

Para matar a nossa curiosidade, às vezes temos acesso aos números atualizados.

smartphone-mao

De acordo com um relatório obtido da Porto Seguro, a Samsung continua na liderança isolada: mais da metade (50,3%) de todos os smartphones comercializados no país são fabricados pela empresa. Os coreanos são especialmente bem-sucedidos no mercado brasileiro — no cenário global, a Samsung tem apenas um quinto da fatia de vendas, e sua participação vem caindo a cada ano.

Os números de dezembro de 2015, com base em estudo da GfK, são os seguintes:

  1. Samsung (50,3%)
  2. Motorola (17,8%)
  3. LG (12,2%)
  4. Apple (5,0%)
  5. Alcatel (4,6%)
  6. Microsoft (2,4%)
  7. Outros (7,7%)

A Samsung tem quase o triplo de vendas da segunda colocada, a Motorola, que representa 17,8% do mercado. A Motorola havia ultrapassado a LG no Brasil em 2014, de acordo com a IDC, impulsionada pela boa aceitação do Moto G, que chegou a ser o smartphone mais vendido do país.

Curiosamente, a Apple, que vende apenas smartphones caros no Brasil, ocupa a quarta posição, com 5% das vendas. Atualmente, o aparelho mais em conta comercializado diretamente pela empresa é o iPhone 6, que parte de R$ 3.199. No varejo nacional ainda é possível encontrar sobras de estoque do iPhone 5s, que chega a custar R$ 1.799 em promoções.

A maçã está na frente da Alcatel e da Microsoft, que obtêm boa parte de suas receitas com aparelhos de entrada ou intermediários. Chama a atenção a queda da Microsoft: em 2010, nos tempos de ouro, quando a Nokia ainda se chamava Nokia e não havia sido comprada pela gigante de Redmond, os finlandeses eram responsáveis por 54,4% dos smartphones vendidos no país.

Procuradas pelo Tecnoblog, Samsung e Microsoft informaram que não comentam números de vendas. A LG não quis falar sobre números, mas afirmou que “espera alcançar a liderança no mercado de smartphones no Brasil”. A GfK diz que não divulga seus relatórios de market share devido a cláusulas de confidencialidade. Motorola, Alcatel e Apple não haviam nos respondido até a última atualização deste texto.

Atualização em 07/04 às 8h52. A GfK reforçou em nota de esclarecimento que não divulga os números citados no texto, e que os dados são de caráter confidencial. Este é o comunicado na íntegra:

“Em virtude de matéria publicada na última segunda-feira (4) sobre o mercado brasileiro de smartphones, a GfK esclarece que em nenhuma hipótese, ou sob qualquer pretexto, divulga os conteúdos relacionados ao market share de qualquer uma das marcas das diversas categorias de produtos que tem suas vendas reais monitoradas pela companhia.

Reconhecida internacionalmente pela confiabilidade e precisão das informações de mercado que comercializa junto a diversos setores da indústria e do varejo de bens duráveis, a GfK declara ainda que as informações contidas nos relatórios produzidos pela companhia são de caráter estritamente confidencial e protegidas por cláusulas contratuais.

A GfK esclarece ainda que somente reconhece a autenticidade das informações divulgadas por meio de seu departamento de marketing, sua respectiva assessoria de imprensa e fontes oficialmente credenciadas pela empresa.”

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Michel Rafael
Pensei que a Asus estava indo bem , mas vai demorar muito ainda para ela chegar pelo menos na LG . Não tem como Motorola e Samy dominam aqui e acho que isso vai durar ainda um bom tempo ...
Marcos
Alcatel no lugar da Sony??
Leonardo Silva
Mano, Alcatel na frente da Microsoft, que vergonha ? O Windows Phone é muito legal, tem potencial a Cortana é sensacional. Mas os tiros no pé que a Microsoft da com a plataforma são decepcionantes, e a falta de apps tb afastam as pessoas. Eu mesmo por falta de algumas funcionalidades no meu Lumia 830 vou ter que pular p/ iPhone ou Galaxy, mas não vendo meu Lumia.
Douglas B

Statcounter

Baião, Douglas
Statcounter
Celso
O Gran Prime original foi lançado com o 4.4.2, recebeu o 4.4.4 e as variantes H e FZ receberam o Android 5.0.2 em Agosto de 2015. Só que as 9 variantes restantes ainda não receberam nada até hoje, entre elas a BT, a MU e a própria H aqui no Brasil.
Armando Figueirêdo
Os números da Samsung nem me surpreendem. São centenas de aparelhos diferentes lançados por mês que só pode vender muito mesmo. Aposto que esses números são obras dos modelos de entrada e intermediários, que pra mim são apenas refugos. Mas tem gosto pra tudo.
Feripe Hatsune
Mas vai ter o 5.0 pro Gran Prime? Se é que um dia esse smart irá receber alguma atualização.
Indisposed
Morto no rage
Indisposed
Htc one m8 ali tão lindo, doeu no coração.
Eduardo Trindadde
A Microsoft apenas está seguindo a tendência do mercado! O Google mesmo já vinha trabalhando seus serviços em outras plataformas, exemplo: Google Drive para desktop ou Mac. Seria um burrice a Microsoft limitar seus serviços apenas para a plataforma Windows Phone.
Samael Vinícius
Alcatel vende mais smartphones do que a Microsoft com os Lumias =V Lol eterno! Isso mostra como a M$ está sendo mal sucedida no mercado móvel... Btw, vou verificar na net se há outras fontes sobre o market share de cels aqui no BR.
André G
Alcatel? Caramba, nunca imaginei ver a Alcatel aqui, acho que nunca vi um smartphone dela na rua.
Vitor Mikaelson
Por incrível que pareça, aqui vejo bastante iPhone 6 até. Mas isso varia muito de cidade/região.
Gabriel Antonio
a MS querque as OEMs usem o Windows, e não que ele fique atrelado apenas a linha Lumia. Quanto aos serviços, sim essa é a estratégia. E tá funcionando bem viu, word mobile + one drive salvando minha vida na faculdade sempre.
Exibir mais comentários