Início » Celular » Motorola One Vision com Samsung Exynos e 48 MP passa por homologação da Anatel

Motorola One Vision com Samsung Exynos e 48 MP passa por homologação da Anatel

Motorola One Vision (ou Motorola P40 na China) será sucessor do Motorola One com furo na tela para câmera frontal

Felipe Ventura Por

Nos últimos meses, surgiram rumores sobre um possível Motorola P40, sucessor do Motorola One com processador Samsung Exynos, câmera traseira de 48 megapixels e furo na tela para a câmera frontal. Ele deve ser vendido fora da China como Motorola One Vision, e já está passando pela homologação da Anatel para venda no Brasil.

O XDA Developers obteve detalhes adicionais sobre o Motorola One Vision, chamado internamente pelo codinome “Robusta2”. Ele tem tudo para ser o sucessor do Motorola One (“RobustaS”), vendido na China como Moto P30.

O novo aparelho virá com processador Exynos 9610 octa-core da Samsung, equivalente em desempenho ao Snapdragon 660; acompanhado por combinações 3 GB + 32 GB, 4 GB + 64 GB ou 4 GB + 128 GB de RAM e armazenamento. A bateria terá capacidade de 3.500 mAh.

É raro ver fabricantes além da Samsung usando processadores Exynos: no momento, a Meizu era a principal exceção. Em breve, teremos o One Vision e outro aparelho da Motorola com codinome “Troika”.

A câmera traseira é dupla, com sensor principal de 48 megapixels. No entanto, ela terá a resolução de 12 MP como padrão, usando a tecnologia Quad Bayer para combinar pixels adjacentes em um só e capturar mais luz.

A Motorola vai oferecer dois recursos para a câmera, chamados “Long Exposure” — que provavelmente ajudará o usuário a tirar fotos melhores em condições de pouca luz — e “Video 3D HDR”.

Motorola One Vision receberá Android Q e R

A tela pode vir com resolução Full-HD+ (2520 × 1080) e proporção 21:9; é o que sugere um papel de parede do Motorola One Vision obtido pelo XDA Developers. A câmera frontal estará em um furo na tela, localizado no lado esquerdo e cobrindo 174 × 167 pixels. Ainda não está claro se o painel será OLED ou LCD.

Quanto ao sistema operacional, o Motorola One Vision será lançado com Android 9 Pie. Ele participará do programa Android One, que garante 2 anos de atualizações de versão, e 3 anos de patches mensais de segurança. Ou seja, ele deve receber o Android Q e Android R no futuro.

O aparelho virá com Moto Ações, Moto Tela, Moto Câmera, editor de fotos da Motorola, desbloqueio facial 2D e aplicativo Dolby Audio. Ele terá suporte ao Google ARCore e ao Bem-Estar Digital.

Outros detalhes sobre o Motorola P40/One Vision já haviam sido vazados por Steve Hemmerstoffer, conhecido como @OnLeaks, e pelo site 91mobiles. Ele deve ter tela de 6,2 polegadas, leitor de digitais na traseira, entrada para fone de ouvido de 3,5 mm na parte superior, e porta USB Type-C e na parte inferior.

Motorola One Vision passa por homologação da Anatel

O Motorola One Vision será vendido na América Latina, China e outros países, ainda sem data definida. Ele virá em três modelos — XT1970-1, XT1970-2 e XT1970-3 — e um deles é mencionado no sistema de homologação da Anatel:

Isso indica que o Motorola One Vision está passando pela homologação da Anatel, a fim de ser liberado para venda no Brasil, mas ainda não foi aprovado pela agência.

O XDA Developers também menciona um celular da Motorola com codinome “Troika”, que terá as mesmas variações de RAM e armazenamento do One Vision, além de uma câmera traseira que tira fotos de 12 megapixels (mas pode ter sensor de 48 MP).

Com informações: XDA Developers.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Love

Tava 1700 a última vez que vi...

Se ele chegar a 1300, ou até 1000 no final do ano, é uma boa pegar ele, mas por 1700 nem pensar.

hugo

Aposto que o sensor desse Moto One Vision não é de 48MP e sim de 12MP, e que a Motorola deve usar algum software de imagem que faz upscaling das imagens deixando em 48MP, e anuncia o aparelho com câmera de 48MP para impressionar as pessoas com o marketing, onde já se viu intermediário com câmeras de tamanha resolução?

hugo

Se engana, pois o Snapdragon 625 ganha do Exynos 7870(que em teoria é equivalente), tanto em desempenho quanto em eficiência energética.

hugo

Snapdragon 660 é bem potente, você reclama do desempenho dele por que nunca deve ter usado um para saber do que ele é capaz de fazer, em todos os reviews que li sobre aparelhos que utilizam esse chipset, velocidade é um dos pontos fortes dele.

hugo

A versão com 4GB de RAM e 128 de armazenamento chegou por 2.000 reais, a versão de 64GB deve ter chegado por uns 1.800 reais.

Leonardo D Monkey

buraco na tela ... FU

Fabio Rodrigo Duarte

128 GB de RAM e armazenamento. Quero esse 128gb de RAM 😂 😂 😂 😂

Gabriel P B

Exynos só perde nos high-end, tanto para kirin quanto para snapdragon, de resto ela concorre igualmente; Tanto em desempenho quando autonomia e temperatura.

Anayran Pinheiro

Um Snapdragon ser melhor não deixa de significar que os Exynos são bons, não?

Love

Se o de 4+64GB chegar por 1500/1600 vale a pena, mas como eu duvido muito disso, é uma bomba kk

Heric

Não são tão bons assim não, há testes que mostram que os smartphones com Snapdragon são mais potentes.

Sinho Gamer

Não sei oq é mais ruim, a marca ou o desempenho que essa bomba vai ter, equivalente a um snapdragom 660??? Deus é mais, me deixa com meu Moto Z2 Force mesmo, o mais potente de todos celulares novos que a Motorola lançou com 6GB de ram e 64GB de memória, Snapdragom 835.

Átila H. Costa

Seu por 3000 reais

junior

Gostei, bela evolução do moto one.

Nathan

Visualmente está bem mais bonito que os recentes lançamentos da Motorola. Só falta abominarem a disgrama da logo na frente do aparelho.

Exibir mais comentários