Início » Telecomunicações » Eurico Teles deixa presidência da Oi em janeiro de 2020

Eurico Teles deixa presidência da Oi em janeiro de 2020

Teles foi responsável por apresentar plano de recuperação judicial da Oi. Ex-CEO da TIM é cotado para assumir o cargo

Lucas Braga Por

A Oi emitiu um fato relevante nesta terça-feira (10) comunicando a saída de Eurico Teles do cargo de diretor presidente no dia 30 de janeiro de 2020. A saída do CEO já era especulada há algum tempo pelo mercado.

Teles, que antes acumulava a função de diretor operacional, cedeu a posição para Rodrigo Abreu, ex-CEO da TIM e um dos principais cotados para assumir a direção executiva da Oi. A operadora deverá indicar o nome do substituto para o cargo, a ser informado também ao Juízo da Recuperação Judicial e ao Ministério Público do Rio de Janeiro.

A notícia chega pouco tempo depois da operadora anunciar (tardiamente) os resultados financeiros do terceiro trimestre de 2019, com prejuízo de R$ 5,7 bilhões e crescimento de 17% na dívida líquida. Durante a semana, a Oi também pediu à Justiça a prorrogação da Recuperação Judicial, inicialmente previsto para fevereiro de 2020.

Eurico Teles foi um dos nomes mais importantes na história da Oi: o executivo assumiu o posto de CEO em dezembro de 2017 e foi o responsável por apresentar o plano de recuperação judicial logo no mês seguinte. A operadora acumulava dívidas de R$ 65 bilhões e teve o maior processo de recuperação judicial da América Latina, ultrapassado pouco tempo depois pela empreiteira Odebrecht.

Entre os seus feitos, Teles conseguiu reestruturar a dívida da companhia com a conversão de títulos de credores em ações da empresa. No terceiro trimestre de 2019 aingiu a cifra de R$ 14,7 bilhões. Além disso, apresentou ao mercado um ousado plano estratégico, com foco em serviços residenciais e expansão de fibra óptica para 16 milhões de residências até 2021.

Na conferência de divulgação dos resultados, o CEO afirmou que já conta com auxílio de consultores financeiros para avaliar o negócio de mobilidade, e que há interesse de venda se houver uma condição para consolidação. As concorrentes Claro, TIM e Vivo já se mostraram interessadas.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Lucas Pinheiro

Eu acho que o futuro da Oi é promissor tomando as seguintes medidas:
-Vendendo a divisão de telefonia móvel;
-Conseguindo a autorização para abrir mão da rede de fixos públicos junto ao governo;
-Modernizando a rede Velox para fibra;
-e por último vendendo a OI TV DTH.
Pois se ela focar somente em fibra óptica, ela pode ocupar o posto deixado pela NET (agora que virou parte da Claro), de excelente empresa focada em serviços residenciais, bom pra quem não depende de planos móveis no mesmo bundle.

johndoe1981

Fibra óptica raramente dá problema, é um meio que não sofre de vários problemas que acometem fiação de cobre, como par metálico e cabo coaxial.

Jefferson Rodrigues

IMPOSSÍVEL reclamar de uma rede novinha em folha. Kkkk

johndoe1981

Atesto e dou fé, sem reclamações sobre a Oi fibra em quase dois meses como cliente, pago 99,90 no débito automático sorrindo, sendo que o primeiro mês foi gratuito.

johndoe1981

kkkk

O proprio presidente falou na reportagem do Estadão que a Oi "só tem pepinos"

precisa falar mais alguma coisa?

VolksW4GNER

Oi eu não uso mais nem se for de graça.

Daniele

Chega a dar medo passar meses sem precisar da Anatel.
Vamos orar para a Fibra continuar assim

Baidu feat MC Brinquedo

Pois é, ouvi muitos relatos ruins da Live Tim. O estranho é que a rede deve ser nova, então é meio estranho essas reclamações.

Net aqui onde moro é péssima.

X-Tudãoᴳᴼᵀ

Até nome de CEO de tele ele tem...

André G

Eu me referia a parte móvel, mas realmente a Oi não é só isso, também tem a parte fixa.
Mas internet fixa é bastante subjetiva, na minha casa a Net era péssima, aí coloquei Live Tim e melhorou muito, enquanto isso tem alguns casos onde a Net é melhor.

Baidu feat MC Brinquedo

Era cliente da Oi (Velox) até abril deste ano, quando fui migrado pra Oi Fibra 200Mb.

Antigamente eu era parceiro da Anatel! Eram pelo menos duas reclamações mensais. Porém desde que fibrou aqui eu não tenho do que me queixar. Nunca caiu, velocidade sempre maior do que a contratada, telefone ilimitado (ninguém mais usa isso, né?) e alguns canais (que também não uso) liberados. Tudo isso por 99/mês. Os caras conseguiram quebrar até os pequenos provedores que vendiam 50Mb pelo mesmo valor.

André G

Vai ser difícil fazer a Oi começar a dar lucro, ela tem uma péssima reputação e precisariam de um investimento absurdo para conseguirem mudar isso, mas com o prejuízo que estão levando a tentência é que cortem cada vez mais os investimentos para conseguirem minimizar os prejuízos.