Início » Celular » Snapdragon 888 estará no Xiaomi Mi 11 e em celulares da Motorola

Snapdragon 888 estará no Xiaomi Mi 11 e em celulares da Motorola

Xiaomi confirma Mi 11 com Snapdragon 888; Motorola, LG e Asus também adotarão novo processador

Paulo Higa Por

O Snapdragon 888 é o novo chip da Qualcomm para celulares potentes e um dos primeiros modelos será da Xiaomi. A marca chinesa confirmou nesta terça-feira (1º) que o Mi 11, sucessor do Mi 10 com Snapdragon 865, adotará a nova plataforma móvel. Parceiros como Motorola, LG e Asus também trabalharam no desenvolvimento do processador.

Qualcomm Snapdragon 888 5G (Imagem: Divulgação/Qualcomm)

Qualcomm Snapdragon 888 5G (Imagem: Divulgação/Qualcomm)

O sucessor do Snapdragon 865 traz um modem Snapdragon X60 5G com suporte às principais tecnologias de quinta geração de redes móveis, incluindo mmWave, sub-6 e o compartilhamento dinâmico de espectro (DSS) usado pelas operadoras brasileiras. Também houve melhorias nos chips Hexagon, Adreno e Spectra, que executam tarefas de inteligência artificial, games e fotografia, respectivamente.

Mi 11 terá Snapdragon 888 5G e deverá chegar em 2021

Em comunicado, o CEO da Xiaomi, Lei Jun, afirma que o chip da Qualcomm traz “avanços revolucionários e inovações em inteligência artificial, games e câmeras”, sendo que o “Mi 11 será um dos primeiros dispositivos com Snapdragon 888”. Os detalhes do novo topo de linha da Xiaomi não foram revelados oficialmente.

Qualcomm Snapdragon 888 5G (Imagem: Divulgação/Qualcomm)

Qualcomm Snapdragon 888 5G (Imagem: Divulgação/Qualcomm)

Especula-se que o Xiaomi Mi 11 tenha uma câmera tripla com sensor principal de 108 megapixels, zoom de até 30x e uma tela com laterais curvas, diferente dos possíveis Galaxy S21 e Galaxy S21+, que deverão ser equipados com telas planas. O evento de lançamento do novo celular premium da Xiaomi é esperado para janeiro de 2021.

A Qualcomm cita 14 marcas que trabalharam no desenvolvimento do Snapdragon 888: Asus, Black Shark, Lenovo, LG, Meizu, Motorola, Nubia, Realme, OnePlus, Oppo, Sharp, Vivo, Xiaomi e ZTE. Com exceção da Xiaomi, nenhuma confirmou os nomes dos futuros aparelhos com o chip, mas não é difícil imaginar o Snapdragon 888 dentro do sucessor do Motorola Edge+ ou no Zenfone 8.

Samsung não aparece entre as parceiras do Snapdragon 888

Qualcomm Snapdragon 888 5G (Imagem: Divulgação/Qualcomm)

Qualcomm Snapdragon 888 5G (Imagem: Divulgação/Qualcomm)

Uma ausência notável na lista da Qualcomm é a Samsung, que deverá lançar o Galaxy S21 em breve. A dona do Galaxy fabricou o Snapdragon 845 e foi uma das primeiras a adotar o Snapdragon 855, mas já não aparecia entre as parceiras próximas no evento de apresentação do Snapdragon 865, que é produzido pela TSMC em um processo de fabricação de 7 nanômetros.

Na geração atual de flagships da fabricante sul-coreana, representada pelo Galaxy S20 e Galaxy Note 20, o Samsung Exynos 990 é o processador preferencial em todo o mundo, sendo que versões com os chips Snapdragon 865 e 865 Plus foram vendidas em poucos mercados. No Brasil, o Galaxy Z Fold 2 de R$ 14 mil é o único da Samsung a adotar o chip premium mais recente da Qualcomm.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
3 usuários participando