Início » Celular » Claro atraiu mais clientes que TIM, Vivo e Oi juntas na Black Friday

Claro atraiu mais clientes que TIM, Vivo e Oi juntas na Black Friday

Oi tem pior desempenho em adições líquidas no mês da Black Friday; TIM é a operadora que mais perdeu linhas na portabilidade

Lucas Braga Por

A Black Friday de 2020 foi positiva para todas as operadoras, mas a Claro conseguiu se sobressair: entre outubro e novembro a tele adicionou 1,02 milhão de linhas móveis, número que é maior do que a soma das adições líquidas das concorrentes TIM, Vivo e Oi.

Gaveta de SIM card do iPhone 12 Mini (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)

Claro lidera portabilidade numérica no mês da Black Friday (Imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)

No geral, o mês de novembro de 2020 foi positivo para todas as operadoras: a Anatel registrou alta de 1,9 milhão de linhas móveis no comparativo mensal. Vale lembrar que o número representa as adições líquidas, levando em conta os cancelamentos.

Veja abaixo o saldo de linhas móveis e de portabilidade numérica referente a novembro de 2020 e o comparativo com o mês anterior:

Total de linhas móveis Outubro de 2020 Novembro de 2020 Saldo líquido
Vivo 77,26 milhões 77,75 milhões +0,49 milhão
Claro 57,91 milhões 58,93 milhões +1,02 milhão
TIM 51,26 milhões 51,51 milhões +0,25 milhão
Oi 36,55 milhões 36,6 milhões +0,05 milhão

A Claro foi uma das operadoras mais agressivas na Black Friday, e a estratégia foi bem pensada pra isso: ela lançou os planos já no dia 12 de novembro, o que aumentou a janela de contratação. Além disso, todos os segmentos (pré-pago, controle e pós-pago) tiveram promoções com bônus de internet de até 100 GB, dependendo do pacote escolhido.

A Vivo também lançou suas promoções, mas o bônus era mais discreto: eram apenas 5 GB no controle, que costuma ter maior procura pelos consumidores pelo custo mensal menor. O pós-pago individual dava 20 GB extras, enquanto o Vivo Família chegava até 50 GB adicionais, mas apenas para quem fizesse a contratação na loja física ou pelo atendimento telefônico.

A TIM teve um desempenho ruim porque praticamente não fez ofertas de serviços no Black Friday. A empresa preferiu concentrar esforços nas promoções de aparelhos, mas lançou planos com bônus de internet exclusivos para venda online.

Já a Oi tinha uma promoção muito agressiva no serviço móvel com 100 GB por R$ 99 mensais. Só que o plano vendido fora da época da Black Friday já era bastante competitivo, o que acabou diluindo a demanda de novos assinantes.

TIM é quem mais perdeu clientes na portabilidade

Durante o mês de novembro, a TIM foi a principal doadora na portabilidade numérica. Isso significa que ela foi a tele que mais perdeu linhas para as concorrentes, seguida por Vivo, Oi e Claro.

A Claro foi a única empresa que manteve o saldo líquido positivo de portabilidades – ou seja, mais recebeu números do que doou. A Oi foi quem menos recebeu linhas de outras empresas, com pouco mais de 48 mil processos de portabilidade efetivados. A Vivo praticamente se manteve estável, com diferença de apenas 34 contratos.

Portabilidades efetuadas Números recebidos Números doados Saldo líquido
Claro 369.757 107.450 +262.303
Vivo 179.252 179.251 -34
TIM 104.174 217.253 -113.041
Oi 48.701 138.267 -89.566

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
4 usuários participando