Microsoft acaba com a fila e libera Bing com GPT-4 para todo mundo

Buscador da Microsoft tinha lista de espera para usar bate-papo com inteligência artificial; empresa vem usando GPT-4 desde antes do lançamento

Giovanni Santa Rosa
Por
Novo Microsoft Bing tem caixa de texto maior para escrever perguntas
Novo Microsoft Bing tem caixa de texto maior para escrever perguntas (Imagem: Divulgação/Microsoft)

O Bing com GPT-4 no chat já está disponível para todo mundo. Agora, basta fazer login e solicitar acesso. Após uma confirmação de e-mail, o recurso é liberado. Até então, era necessário entrar na fila, já que a ferramenta de bate-papo inteligente estava sendo distribuída aos poucos para os usuários.

A mudança foi notada pelo Windows Central, e o Verge testou e confirmou. Agora, basta entrar na página do novo Bing e clicar em “Entrar na lista de espera”. A lista praticamente não existe mais: logo após se inscrever, chega um e-mail dizendo que você tem acesso.

O modelo de linguagem GPT-4 foi anunciado nesta terça-feira (14), mas uma informação deixou muita gente surpresa: a Microsoft já estava usando uma versão de testes dele no Bing Chat há semanas.

Apesar disso, o buscador ainda não tem alguns recursos da nova tecnologia da OpenAI — ela permite textos e imagens como entrada, por exemplo, o que pode ajudar na hora de mostrar para o robô que você quer.

Bing foi o primeiro buscador a usar IA que escreve

Desde que a OpenAI liberou o ChatGPT, ainda em novembro de 2022, especulava-se que tecnologias deste tipo poderão substituir os motores de pesquisa.

O Bing foi o primeiro a entrar nessa onda: sua versão com inteligência artificial foi anunciada no início de fevereiro, com uma lista de espera para usuários.

O Google respondeu semanas depois, com o Bard, sua resposta ao ChatGPT. Ele chegou meio às pressas, desagradando funcionários.

Apesar de todo o barulho e repercussão, a tecnologia parece não ter decolado para estes fins ainda. Os chatbots com inteligência artificial cometem erros factuais simples, como confundir datas, recomendar a turistas lugares fechados e inventar números em relatórios financeiros.

Office também adere IA chamada de Copilot

A Microsoft anunciou, durante um evento realizado nesta quinta-feira (16), o Copilot, uma IA embutida na suíte de apps do Microsoft 365: Word, Excel, PowerPoint, Outlook e Teams. Trata-se de um assistente que permite criar apresentações, relatórios, mensagens e muito mais só com comandos de texto.

O Copilot da Microsoft é uma resposta às investidas do Google com o Workspace, que também colocou inteligência artificial no Gmail, Docs e Meet.

Com informações: Windows Central, The Verge.

Receba mais sobre Microsoft na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Giovanni Santa Rosa

Giovanni Santa Rosa

Repórter

Giovanni Santa Rosa é formado em jornalismo pela ECA-USP e cobre ciência e tecnologia desde 2012. Foi editor-assistente do Gizmodo Brasil e escreveu para o UOL Tilt e para o Jornal da USP. Cobriu o Snapdragon Tech Summit, em Maui (EUA), o Fórum Internacional de Software Livre, em Porto Alegre (RS), e a Campus Party, em São Paulo (SP). Atualmente, é autor no Tecnoblog.

Canal Exclusivo

Relacionados