OpenAI e Jony Ive, ex-Apple, podem estar trabalhando em novo hardware

Jony Ive foi um dos responsáveis por produtos emblemáticos da Apple, como o iPod, o iPhone e o iMac. Projeto com a OpenAI pode envolver ainda Masayoshi Son, do Softbank.

Giovanni Santa Rosa
Por
OpenAI
OpenAI (Imagem: Vitor Pádua / Tecnoblog)

A OpenAI está nos holofotes desde que lançou o ChatGPT e o Dall-E, seus projetos de inteligência artificial generativa. A empresa, porém, pode entrar em outro setor: o de hardware. O CEO Sam Altman estaria conversando com Jony Ive, ex-chefe de design de produtos da Apple, para o projeto de um novo dispositivo.

O site The Information, que revelou as conversas, diz que o bilionário Masayoshi Son, fundador e CEO da empresa de investimentos SoftBank, também está envolvido na iniciativa. Son investiu US$ 140 bilhões em startups de inteligência artificial nos últimos anos.

O projeto estaria apenas nos estágios iniciais. Infelizmente, não há detalhes sobre o que seria esse aparelho.

Jony Ive e Tim Cook diante de iPhones em exposição
Jony Ive e Tim Cook (Imagem: Divulgação / Apple)

Jony Ive projetou iPhone, MacBook e mais

Jony Ive trabalhou na Apple entre 1992 e 2019. Ele foi promovido ao cargo de vice-presidente sênior de design industrial no fim dos anos 90, quando Steve Jobs retornou à empresa, e assumiu o posto de executivo-chefe de design em 2015.

Ive teve papel importante nos projetos de muitos produtos emblemáticos da Apple, como o iMac, o iPod, o iPhone, o iPad, o MacBook e o Apple Watch. Ele também contribuiu com o design do iOS, do Apple Park e das Apple Stores.

O designer deixou a Apple em 2019, supostamente por discordâncias com Tim Cook, que sucedeu Steve Jobs no cargo de CEO. Após a saída, Ive criou a LoveForm, empresa de design que teve a própria Apple como cliente até 2022. Ela também atende Airbnb e Ferrari.

Sam Altman vem trabalhando com outros ex-Apple

O primeiro projeto de hardware seria o primeiro da OpenAI, mas não o primeiro de Sam Altman, CEO e co-fundador da empresa. O projeto Worldcoin, também idealizado por Altman, inclui a Orb, uma esfera usada para escaneamento de íris.

Os dados biométricos servem como “prova de humanidade” e são usados para distribuir criptomoedas. Como você pode imaginar, a iniciativa Worldcoin é alvo de muitas críticas.

Orb, equipamento da Worldcoin usado para leitura da íris
Orb, equipamento da Worldcoin usado para leitura da íris (Imagem: Divulgação/Worldcoin)

A Orb foi projetada por Thomas Meyerhoffer. Ele é, de certa forma, ligado a Jony Ive. Meyerhoffer foi o primeiro contratado de Ive na Apple. Eles trabalharam juntos em projetos como o iMac.

Sam Altman também é um dos maiores investidores da Humane, uma startup que tem ex-funcionários da Apple entre os co-fundadores. A Humane está desenvolvendo um dispositivo vestível de inteligência artificial para substituir os smartphones.

Com informações: TechCrunch, Reuters, The Verge

Relacionados