Início » Celular » Samsung anuncia Exynos 1080, seu primeiro processador de 5 nm

Samsung anuncia Exynos 1080, seu primeiro processador de 5 nm

Chip Exynos 1080 deve equipar smartphones intermediários premium da Samsung, mas estreará em celular da chinesa Vivo

Emerson Alecrim Por

Celulares intermediários premium lançados pela Samsung em 2021 poderão ser equipados com um novo processador: a companhia anunciou, nesta quinta-feira (12), o Exynos 1080, chip octa-core baseado em tecnologia de fabricação FinFET de 5 nanômetros, o primeiro da marca a contar com essa característica. A novidade também se destaca por ser compatível com 5G.

Exynos 1080 (imagem original: Samsung)

Exynos 1080 (imagem original: Samsung)

O Exynos 1080 segue uma configuração “1 + 3 + 4”: há um núcleo Cortex-A78 de 2,8 GHz, três Cortex-A78 de 2,6 GHz e quatro Cortex-A55 no chip. Os quatro primeiros cuidam de tarefas exigentes. Os últimos quatro são direcionados a aplicações menos pesadas e, portanto, proporcionam economia no consumo de energia.

As especificações do novo chip incluem uma GPU Mali-G78 MP10. Quanto aos 5 nanômetros, a Samsung recorreu à sua implementação da tecnologia Extreme Ultraviolet (EUV) para chegar a eles. Trata-se de um tipo de litografia baseado em um comprimento de onda muito curto que, com efeito, é ideal para chips bastante miniaturizados.

No quesito conectividade, o suporte ao 5G é o principal atrativo. O modem do tipo integrado ao Exynos 1080 suporta tanto ondas milimétricas (mmWave) quanto sub-6 GHz. O processador também é compatível com Bluetooth 5.2, Wi-Fi 802.11ax e rádio FM.

Para fotos, a Samsung explica que a novidade suporta câmera única com sensor de até 200 megapixels ou câmera dupla de 32 + 32 megapixels, por exemplo.

Apresentação do Exynos 1080 (imagem: Samsung)

Apresentação do Exynos 1080 (imagem: Samsung)

Entre as demais características encontramos suporte a gravação de vídeo em 4K e 60 fps, a memórias LPDDR4x e LPDDR5, a armazenamento no padrão UFS 3.1 e a telas full HD+ com taxa de atualização de até 144 Hz ou WQHD+ com até 90 Hz.

Curiosamente, o Exynos 1080 não fará a sua estreia em um smartphone da linha Galaxy, mas no próximo celular da série X, da chinesa Vivo. Se levarmos em conta que o Vivo X30 foi o primeiro dispositivo equipado com o Samsung Exynos 980 (antecessor do Exynos 1080), isso não chega a surpreender.

Com informações: GSMArena.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
3 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Felipe Silva (@Felipe_Silva)

daqui uns 2 anos chega no brasil.