Samsung sai na frente da Motorola em teste com celulares dobráveis

Galaxy Z Flip 5 aguentou mais de 400 mil movimentos de abrir e fechar. Tanto ele quanto o Motorola Razr 40 Ultra trazem características de robustez, como Gorilla Glass.

Thássius Veloso
Por
Smartphone foi posto em saco plástico com areia (Imagem: Reprodução/Mrkeybrd)

O Galaxy Z Flip 5 e o Motorola Razr 40 Ultra são os mais recentes smartphones dobráveis do mercado. Ambos estão à venda no Brasil. Enquanto isso, nos Estados Unidos, o dono de um canal no YouTube decidiu colocar os dois aparelhos à prova num nada científica teste de durabilidade. O Flip 5 levou a melhor.

Em resumo, o smartphone da Samsung foi aberto e fechado pouco mais de 400 mil vezes. A última etapa do teste mostrou que o dispositivo estava com ligeiros problemas, mas ainda funcional. Enquanto isso, o Razr 40 Ultra deu pane com pouco mais de 126 mil movimentos do tipo abre/fecha.

Por que testar os produtos?

Ainda hoje existem questionamentos de parte dos consumidores sobre a robustez dos celulares dobráveis. O formato melhorou muito nos últimos anos, a ponto de o produto da Samsung oferecer proteção IPX8 (contra água, mas não detritos). Tanto ele quanto o Motorola trazem ainda alguma nível de proteção Gorilla Glass.

Parece que o responsável pelo canal Mrkeybrd se aproveitou deste interesse do público para produzir o material. Conforme lembra o portal The Verge, os experimentos foram conduzidos por várias pessoas e houve variação de tempo e intensidade nas etapas de abrir e fechar as telas internas dos smartphones.

O modus operandi destes conteúdos difere bastante dos testes que são conduzidos nos laboratórios das grandes empresas de tecnologia. Eu mesmo já pude ver sistemas robóticos empregados pela Samsung para abrir e fechar as telas dobráveis, a fim de testar os aparelhos.

Limites de durabilidade

A Samsung divulga que o mecanismo de dobradiça do Galaxy dobrável aguenta até 200 mil usos pelo menos desde 2020 – ou seja, desde a primeira geração. Até onde me consta, a Motorola não chegou a divulgar estimativa para o Razr, considerado o sucessor espiritual do famoso V3, dos idos de 2000.

De toda forma, tenha em mente que é bastante. Os cálculos do The Verge dão conta de que o Galaxy Z Flip 5 perduraria 10 anos o Motorola Razr 40 Ultra aguentaria 3,5 anos de abrir/fechar antes de darem problema.

Com informações do The Verge

Receba mais sobre Motorola na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Thássius Veloso

Thássius Veloso

Editor

Thássius Veloso é jornalista especializado em tecnologia e editor do Tecnoblog. Desde 2008, participa das principais feiras de eletrônicos, TI e inovação. Na mídia, também atua como comentarista da GloboNews e da CBN, além de ser palestrante, mediador e apresentador de eventos. Já apareceu no Jornal Nacional, da TV Globo, e publicou artigos na revista Galileu e no jornal O Globo. Ganhou o Prêmio Especialistas em duas ocasiões e foi indicado diversas vezes ao Prêmio Comunique-se.

Canal Exclusivo

Relacionados