TIM restaura rede no litoral de SP e abre sinal para clientes de outras operadoras

Redes móveis foram impactadas por chuvas no litoral norte de São Paulo; Anatel utilizou equipamento que capta sinais de celulares para auxiliar busca por vítimas

Lucas Braga
Por
• Atualizado há 8 meses
Torre de telefonia celular. Foto: Lucas Braga/Tecnoblog
Torre de telefonia celular. (Imagem: Lucas Braga / Tecnoblog)

As telecomunicações também foram fortemente impactadas pelas fortes chuvas no litoral norte de São Paulo, e várias localidades ficaram sem qualquer conexão à internet ou sinal de celular. A TIM afirma ter restabelecido o serviço na região, e abriu a rede via roaming para outras operadoras.

De acordo com a TIM, “os sites próprios já estão quase todos operantes, somando mais de 400 antenas em toda a região”. Através de roaming, a operadora também permitiu que clientes de outras operadoras também consigam fazer ligações e acessar a internet via roaming.

Litoral de SP ficou sem internet após rompimento de fibra óptica

As enchentes na região derrubaram postes. Além de interromper o fornecimento de energia elétrica, a queda desse tipo de infraestrutura também impactou as redes de fibra óptica: com o rompimento dos cabos, as operadoras ficaram impossibilitadas de fornecer sinal de voz e internet.

Antena T3SAT, da Telebras
Antena T3SAT, da Telebras (Imagem: Divulgação / Telebras)

Segundo a Anatel, os reparos na fibra óptica estão sendo feitos de forma emergencial. Sem os postes disponíveis, o cabeamento ficou provisoriamente exposto para restabelecer a comunicação com maior agilidade.

Para auxiliar a comunicação, o Ministério das Comunicações enviou 10 antenas de internet via satélite da Telebras para comunicação emergencial para São Sebastião (SP). Com velocidade de download de 20 Mb/s e upload de 2 Mb/s, o equipamento se conecta ao Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas (SGDC), tem bateria com duração de até 8 horas e compartilha a conexão via Wi-Fi.

Anatel ajuda na busca por vítimas soterradas

A Anatel enviou uma equipe para auxiliar os resgates de vítimas no litoral paulista. Os técnicos utilizam equipamentos para monitorar e localizar sinais emitidos por aparelhos celulares ainda em funcionamento.

Técnicos da Anatel utilizam equipamento para localizar sinal emitido por celulares
Técnicos da Anatel utilizam equipamento para localizar sinal emitido por celulares (Imagem: Reprodução)

É a primeira vez que a Anatel participa de uma ação como essas. A partir da localização dos sinais, a equipe de resgate passa a realizar a busca com maior foco por cães farejadores e escavação manual.

Receba mais sobre Anatel na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Lucas Braga

Lucas Braga

Repórter especializado em telecom

Lucas Braga é analista de sistemas que flerta seriamente com o jornalismo de tecnologia. Com mais de 10 anos de experiência na cobertura de telecomunicações, lida com assuntos que envolvem as principais operadoras do Brasil e entidades regulatórias. Seu gosto por viagens o tornou especialista em acumular milhas aéreas.

Relacionados