O que é a resolução de uma imagem digital?

Entenda qual é a importância da resolução de uma imagem digital e como o conceito de resolução varia no contexto de câmeras, TVs e monitores de vídeo

Paulo Higa Ana Marques
Por e
Galaxy S23 Ultra tem câmera com resolução de 200 megapixels (Imagem: Paulo Higa/Tecnoblog)
Galaxy S23 Ultra tem câmera com resolução de 200 megapixels (Imagem: Paulo Higa/Tecnoblog)

Resolução de uma imagem digital significa a quantidade de detalhes que uma imagem pode conter e é medida em pixels. Apesar de contribuir para maior nitidez, maior resolução não é sinônimo de maior qualidade de imagem.

Em fotografia, a resolução é importante tanto no momento da captura da imagem quanto na fase de edição, pois determina a quantidade de informações que podem ser manipuladas. Já em TVs e monitores, a resolução se refere ao número de pixels que a tela pode exibir, sendo frequentes siglas como HD, 4K e 8K.

Qual é a relação entre resolução de imagem e número de pixels?

A resolução de uma imagem digital é tipicamente expressa em pixels. Um pixel é a menor unidade de uma imagem digital, e cada pixel pode conter uma cor única.

Quando dizemos que uma imagem tem uma resolução de 1920×1080, estamos dizendo que ela tem 1.920 colunas e 1.080 linhas de pixels. A multiplicação desses números resulta em 2.073.600 pixels, ou seja, pouco mais de 2 megapixels. Essa resolução também é conhecida como Full HD.

Qual é a diferença entre resolução e densidade de pixels?

A resolução se refere à quantidade total de pixels em uma imagem, enquanto a densidade de pixels define o número de pixels contidos em uma determinada unidade de espaço físico.

Um vídeo em 4K tem resolução de 3840×2160 pixels, ou seja, 3.840 pixels de largura e 2.160 pixels de altura. Quanto maior a resolução de um arquivo, mais detalhes ele poderá conter.

Já uma tela com densidade de pixels de 100 ppi (pixels por polegada) pode representar 100 pixels em uma polegada. Quanto maior a definição de uma tela ou foto impressa, mais detalhes são exibidos no mesmo espaço, o que aumenta a sensação de nitidez.

Resolução e densidade de pixels podem ser configurados em editores de imagens, como o Affinity Photo (Imagem: Paulo Higa/Tecnoblog)
Resolução e densidade de pixels podem ser configurados em editores de imagens, como o Affinity Photo (Imagem: Paulo Higa/Tecnoblog)

Qual é a diferença entre resolução e tamanho da imagem?

Resolução é o número de pixels de uma imagem digital, enquanto o tamanho está relacionado à quantidade de bytes que um arquivo ocupa ou às dimensões físicas de uma imagem.

Quando o tamanho se refere à quantidade de bytes, o número estabelece a quantidade de armazenamento digital que a imagem ocupa. Em geral, arquivos com maior resolução precisam de mais espaço para serem guardados.

Já o tamanho físico de uma imagem é medido em centímetros ou polegadas. Uma foto de 4000×3000 pixels (12 MP) a uma densidade de pixels de 300 ppi ocuparia 13,33×10 polegadas ou 33,86×25,4 centímetros quando exibido em uma tela ou impressa em um papel com essa definição.

Resolução de tela

A resolução de uma tela é a quantidade de pixels que podem ser exibidos em todo o painel. Por exemplo, uma TV com resolução 8K tem 7640×4320 pixels, ou seja, 7.640 pixels de largura e 4.320 pixels de altura.

Telas de baixa resolução exibem menos pixels e podem reproduzir imagens com menos detalhes.

Certas resoluções de tela, por serem muito comuns, são mais representadas por nomes padronizados em vez de pixels. Exemplos são Full HD, WQHD e 4K, que significam, respectivamente, 1920×1080, 2560×1440 e 3840×2160 pixels.

Telas de alta resolução podem reproduzir arquivos de baixa resolução por meio do upscaling. Uma TV 4K, por exemplo, amplia digitalmente um vídeo Full HD para ocupar toda a tela. Em geral, o upscaling é acompanhado de técnicas de processamento de imagem que melhoram o aspecto visual de imagens de baixa resolução.

Maior resolução de tela significa melhor qualidade de imagem?

Não. Resolução é uma especificação importante para a qualidade de imagem de uma tela, mas há outros fatores que influenciam esse aspecto, como o tipo de painel e as tecnologias de imagem embutidas.

O tipo de painel pode influenciar o contraste, o brilho e as cores exibidas por uma tela. Por exemplo, uma tela OLED é capaz de reproduzir o preto verdadeiro ao desligar todos os pixels, o que melhora o contraste. Já uma TV com pontos quânticos (quantum dots) tende a mostrar cores mais precisas, aumentando o realismo.

Alguns modelos de TVs e monitores podem ter HDR, ou seja, são capazes de mudar dinamicamente o brilho e o contraste de regiões específicas da tela, dependendo do conteúdo. Com o HDR, áreas de sombra ficam mais escuras ao mesmo tempo em o céu ensolarado fica mais claro, o que aumenta o alcance dinâmico das cenas.

Samsung S90C, a primeira TV OLED da marca no Brasil (Imagem: Giovanni Santa Rosa/Tecnoblog)
Samsung S90C, a primeira TV OLED da marca no Brasil (Imagem: Giovanni Santa Rosa/Tecnoblog)

Resolução em câmeras digitais

A resolução de uma câmera digital se refere à quantidade de detalhes que a câmera pode capturar e é medida em megapixels (milhões de pixels).

Mais megapixels não significam maior qualidade de imagem, porque o processador de imagem, as tecnologias do sensor e o tipo de lente também influenciam o resultado final. O que define uma boa câmera de celular é o conjunto de todas as especificações do conjunto fotográfico.

Sensores de alta resolução podem ser necessários em certos casos. Por exemplo, um vídeo 8K tem aproximadamente 33,2 MP (7680×4320 pixels). Se a câmera tiver menos megapixels, não conseguirá filmar em 8K real.

O que afeta a resolução de uma câmera digital?

Uma foto digital pode ter sua resolução afetada por componentes e tecnologias da câmera. Os principais fatores que influenciam na resolução da imagem gerada são:

  • Sensor de imagem: é o componente que transforma a luz da lente em pixels de uma imagem digital. A resolução da imagem depende principalmente da resolução do sensor;
  • Pixel binning: técnica que agrupa múltiplos pixels do sensor de imagem. Um sensor de 108 MP com nona-binning junta as informações de 9 pixels adjacentes em 1 superpixel, gerando uma foto de 12 MP com mais detalhes;
  • Nitidez da lente da câmera: impacta a quantidade de detalhes projetados no sensor de imagem. Embora não afete a resolução numérica em pixels, pode prejudicar a definição da foto. Limpar a lente é fundamental para obter melhores imagens;
  • Processador de imagem: converte os dados brutos do sensor de imagem em uma foto digital, muitas vezes aplicando técnicas de fotografia computacional para aumentar a sensação de nitidez.

Resolução de vídeo

A resolução de um vídeo é a quantidade de detalhes que ele pode exibir e é medida em pixels. Pode ser apresentada como um par de números (1920×1080), como o número de linhas do vídeo (1080p) ou como uma designação própria (Full HD).

O par de números de uma resolução de vídeo funciona da mesma forma que uma imagem digital, ou seja, um vídeo 1920×1080 tem 1.920 pixels de largura e 1.080 pixels de altura. Já termos como HD, Full HD e UHD são determinados pela indústria.

Em vídeo, 8K se refere a uma resolução de 7680x4320 pixels (Imagem: Paulo Higa/Tecnoblog)
Em vídeo, 8K se refere a uma resolução de 7680×4320 pixels (Imagem: Paulo Higa/Tecnoblog)

Quando a resolução de um vídeo é indicada apenas pelo número de linhas, seguido de uma letra “p” ou “i”, a letra determina o tipo de varredura do vídeo:

  • Varredura progressiva: método mais comum que exibe todas as linhas do vídeo em ordem, de cima para baixo. É representada pelo “p” em resoluções como 720p, 1080p e 2160p. Geralmente resulta em imagens mais suaves e nítidas, o que é ideal para vídeos com muitos movimentos;
  • Varredura entrelaçada: exibe primeiro as linhas ímpares do vídeo, seguidas pelas linhas pares. É indicada pelo “i” em resoluções como a 1080i, usada no padrão de TV digital lançado no Brasil em 2008, o ISDB-TB. Pode gerar problemas de nitidez no vídeo, mas economiza largura de banda.

Qual é a diferença entre resolução e taxa de quadros?

Um vídeo é composto por uma sequência de imagens. A resolução determina a quantidade de pixels de cada imagem. Já a taxa de quadros estabelece a quantidade de imagens (quadros) exibidas a cada segundo. Quanto maior a taxa de quadros, maior será a suavidade do vídeo.

Um vídeo de 60 fps (frames per second) exibe 60 imagens em um segundo em um vídeo progressivo. Na varredura entrelaçada, um vídeo representado como “1080i60” mostra alternadamente 30 vezes as linhas ímpares e 30 vezes as linhas pares de uma imagem em um segundo.

Esse conteúdo foi útil?
😄 Sim🙁 Não

Receba mais sobre Imagens na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Paulo Higa

Paulo Higa

Ex-editor executivo

Paulo Higa é jornalista com MBA em Gestão pela FGV e uma década de experiência na cobertura de tecnologia. No Tecnoblog, atuou como editor-executivo e head de operações entre 2012 e 2023. Viajou para mais de 10 países para acompanhar eventos da indústria e já publicou 400 reviews de celulares, TVs e computadores. Foi coapresentador do Tecnocast e usa a desculpa de ser maratonista para testar wearables que ainda nem chegaram ao Brasil.

Ana Marques

Ana Marques

Gerente de Conteúdo

Ana Marques é jornalista e cobre o universo de eletrônicos de consumo desde 2016. Já participou de eventos nacionais e internacionais da indústria de tecnologia a convite de empresas como Samsung, Motorola, LG e Xiaomi. Analisou celulares, tablets, fones de ouvido, notebooks e wearables, entre outros dispositivos. Ana entrou no Tecnoblog em 2020, como repórter, foi editora-assistente de Notícias e, em 2022, passou a integrar o time de estratégia do site, como Gerente de Conteúdo. Escreveu a coluna "Vida Digital" no site da revista Seleções (Reader's Digest). Trabalhou no TechTudo e no hub de conteúdo do Zoom/Buscapé.

Canal Exclusivo

Relacionados