Início » Celular » Samsung Galaxy S21: o que esperar dos sucessores do S20?

Samsung Galaxy S21: o que esperar dos sucessores do S20?

Samsung Galaxy S21 deve contar com ficha técnica avançada e muitas câmeras; confira expectativas e rumores para os celulares

Bruno Gall De Blasi Por

Samsung Galaxy S21: este é o possível nome dos próximos celulares premium da Samsung. Assim como a geração anterior, Galaxy S20, espera-se que os smartphones reúnam fichas técnicas avançadas com processador Snapdragon 888 ou Exynos 2100, baterias de até 5.000 mAh e câmeras de até 108 megapixels.

Ao todo, três celulares devem ser apresentados: Samsung Galaxy S21, Samsung Galaxy S21+ e Samsung Galaxy S21 Ultra. Ainda assim, os nomes não foram confirmados; há, também, quem aposte em Samsung Galaxy S30, Galaxy S30+ e Galaxy S30 Ultra. Confira, a seguir, o que esperar dos lançamentos.

Possíveis Samsung Galaxy S21 e S21+ (Imagem: Reprodução/WinFuture)

Possíveis Samsung Galaxy S21 e S21+ (Imagem: Reprodução/WinFuture)

Samsung Galaxy S21 e S21+ com tela plana

Algumas mudanças são esperadas no visual. Acredita-se que o S21 e o S21+ terão tela plana, ao contrário de seus antecessores. Mas isto não significa o fim das bordas curvas: elas devem ficar somente para a variante Ultra, opção mais avançada do trio.

Além disso, de acordo com informações de bastidores reveladas em novembro, a traseira do Samsung Galaxy S21 pode ser de plástico, como no Galaxy S20 FE, e de vidro no S21 Ultra. A câmera frontal deve permanecer em um furo na tela.

Confira, a seguir, as possíveis especificações de tela dos celulares:

  • S21: 6,2 polegadas, resolução Full HD+ e taxa de atualização de 120 Hz;
  • S21+: 6,7 polegadas, resolução Full HD+ e taxa de atualização de 120 Hz;
  • S21 Ultra: 6,8 polegadas, resolução WQHD+ e taxa de atualização de 120 Hz;
Suposto Galaxy S21+ ao lado do iPhone 12 Pro (Imagem: Reprodução/sakitech/YouTube)

Suposto Galaxy S21+ ao lado do iPhone 12 Pro (Imagem: Reprodução/sakitech/YouTube)

O S21+ ainda apareceu em dois vídeos de hands-on, sendo um deles ao lado de um iPhone 12 Pro. Em ambos os casos, o suposto celular possui bordas finas ao redor da tela. O trio ainda deu as caras em um vídeo vazado com alterações nas câmeras.

Quanto às cores, espera-se que o S21 esteja à venda em Phantom Gray (cinza), Phantom White (branco), Phantom Pink (rosa) e Phantom Violet (violeta) enquanto o S21+ seja encontrado nas opções Phantom Black (preto), Phantom Silver (prata) e Phantom Violet. A variante mais cara deve ter somente duas cores: Phantom Black e Phantom Silver.

Possíveis Galaxy S21, S21+ e S21 Ultra (Imagem: Reprodução/LetsGoDigital)

Possíveis Galaxy S21, S21+ e S21 Ultra (Imagem: Reprodução/LetsGoDigital)

Câmera principal de até 108 megapixels

O conjunto fotográfico quádruplo é um dos possíveis destaques do Galaxy S21 Ultra. Além da câmera principal de 108 megapixels e ultrawide de 12 MP, o celular ainda pode trazer mais dois sensores de 10 MP, com zoom híbrido para aproximar as imagens de três a dez vezes. A câmera frontal tende a manter os 40 MP.

O S21 e o S21+ podem trazer o mesmo agrupamento de sensores fotográficos. Espera-se que os celulares tenham câmera de 12 MP acompanhada por outra com a mesma resolução com lente ultrawide e outra de 64 MP com lente teleobjetiva. Para selfies, são aguardados 10 MP.

Em meados de outubro de 2020, o Samsung Galaxy S21 e o S21 Ultra apareceram em imagens vazadas com câmeras posicionadas em uma base que se estende das bordas, no canto superior esquerdo. O mesmo deve ocorrer com o S21+.

Galaxy S21 e S21+ (Imagem: Max Weinbach/Twitter)

Galaxy S21 e S21+ (Imagem: Max Weinbach/Twitter)

Ficha técnica com Snapdragon 888 ou Exynos 2100

A ficha técnica avançada é uma característica aguardada nos lançamentos. Acredita-se que os smartphones da Samsung contarão com o processador Qualcomm Snapdragon 888 em regiões como os Estados Unidos e Exynos 2100 nos demais países, como o Brasil, em suas respectivas listas de especificações.

O Galaxy S21 Ultra teve suas especificações reveladas em dezembro. Além dos processadores já citados, o celular mais caro do trio deve contar com memória RAM de 12 GB e armazenamento de 128 GB, 256 GB e 512 GB. Completam as possíveis especificações a conectividade 5G, Bluetooth 5.0, Wi-Fi 6, NFC e ultra wideband (UWB).

O S21 e o S21+ tendem a trazer ficha técnica quase igual. A expectativa é que ambos tenham 8 GB de RAM e edições com 128 GB ou 256 GB de espaço, além de 5G, Bluetooth 5.0 e NFC. Mas somente a variante Plus deve contar com UWB.

O trio está previsto para sair da caixa com Android 11 (One UI 3.1) de fábrica. Uma das novidades ficaria pela opção para escolher o feed do Google na tela inicial dos smartphones.

Possível Samsung Galaxy S21 Ultra (Imagem: Reprodução/WinFuture)

Possível Samsung Galaxy S21 Ultra (Imagem: Reprodução/WinFuture)

Baterias de até 5.000 mAh

A Samsung não deve fazer alterações drásticas nas baterias. Espera-se que a marca sul-coreana mantenha as mesmas capacidades do Galaxy S20 e Galaxy S20 Ultra em seus sucessores, de 4.000 mAh e 5.000 mAh, respectivamente.

A novidade ficaria para o S21+. Em setembro de 2020, a possível bateria do celular foi certificada com 4.800 mAh, pouco antes da homologação da peça pela Anatel. A capacidade é superior ao componente do Galaxy S20+, de 4.500 mAh.

Bateria do Galaxy S21+ (Imagem: Reprodução/Anatel)

Bateria do Galaxy S21+ (Imagem: Reprodução/Anatel)

Sem carregador e fones de ouvido na caixa

Depois do iPhone 12, pode ser a vez de a Samsung deixar o carregador e os fones de ouvido de fora da caixa de seus celulares. De acordo com o certificado de homologação emitido pela Anatel revelado com exclusividade pelo Tecnoblog, os acessórios ficarão de lado na linha S21 vendida no Brasil.

“O telefone celular não será comercializado com fonte de alimentação”, diz a documentação dos três modelos na Anatel. “O telefone celular não será comercializado com fones de ouvido”.

Outra possível novidade é o suporte à S Pen no sucessor do Galaxy S20 Ultra. O acessório, porém, não deve acompanhar o celular mais avançado do trio na caixa. No lugar, a Samsung pretende comercializar capinhas onde será possível armazenar a caneta junto ao telefone.

Possível Galaxy S21 (Imagem: Reprodução/WinFuture)

Possível Galaxy S21 (Imagem: Reprodução/WinFuture)

Samsung Galaxy S21: quando e quanto?

Geralmente, a Samsung apresenta os novos celulares da linha Galaxy S em fevereiro. A tradição, porém, pode ser quebrada desta vez: a expectativa é que os sucessores do Samsung Galaxy S20, atualmente em pré-venda na Índia, sejam lançados em 14 de janeiro de 2021 em disputa com Huawei e Apple.

Em 3 de janeiro de 2021, a Samsung anunciou um evento para 14 de janeiro de 2021, ao meio-dia (horário de Brasília), o Samsung Galaxy Unpacked 2021.

Os smartphones também estão em fase de pré-reserva nos Estados Unidos com bônus de até US$ 60. Confira os possíveis preços dos sucessores do Galaxy S20 na Europa, de acordo com Roland Quandt do WinFuture:

  • S21 (128 GB): 849 euros (cerca de R$ 5.390 em conversão direta);
  • S21 (256 GB): 899 euros (R$ 5.705);
  • S21 Plus (128 GB): 1.049 euros (R$ 6.660);
  • S21 Plus (256 GB): 1.099 euros (R$ 6.975);
  • S21 Ultra (128 GB): 1.349 euros (R$ 8.560);
  • S21 Ultra (256 GB): 1.399 euros (R$ 8.890);
  • S21 Ultra (512 GB): 1.529 euros (R$ 9.705).

Por ora, não há previsão de data e preço de lançamento dos celulares no Brasil. Ainda assim, a Anatel já certificou os três celulares no país em dezembro, sob os modelos SM-G991B/DS (S21), SM-G996B/DS (S21+) e SM-G998B/DS (S21 Ultra).

Este artigo será atualizado com o decorrer do tempo caso novos rumores e informações sobre os celulares Samsung Galaxy venham a público no futuro.

Samsung Galaxy S21, S21+ e S21 Ultra – ficha técnica (rumor)

Galaxy S21

Galaxy S21+

Galaxy S21 Ultra

Tela

Dynamic AMOLED 2X de 6,2 polegadas com resolução Full HD+ (2400 x 1080 pixels), taxa de atualização de 120 Hz, 421 ppi, always on e Gorilla Glass Victus

Dynamic AMOLED 2X de 6,7 polegadas com resolução Full HD+ (2400 x 1080 pixels), taxa de atualização de 120 Hz, 394 ppi, always on e Gorilla Glass Victus

Dynamic AMOLED 2X de 6,8 polegadas com resolução WQHD+ (3200 x 1440 pixels), aspecto 20:9, taxa de atualização de 120 Hz, 515 ppi e Gorilla Glass Victus

Processador

Qualcomm Snapdragon 888 ou Samsung Exynos 2100

Qualcomm Snapdragon 888 ou Samsung Exynos 2100

Qualcomm Snapdragon 888 ou Samsung Exynos 2100

RAM

8 GB

8 GB

12 GB

Armazenamento

128 GB e 256 GB

128 GB e 256 GB

128 GB, 256 GB e 512 GB

Câmera traseira

– principal: 12 megapixels, f/1,8, 79º, 26 mm, OIS

– ultrawide: 12 megapixels, f/2,2, 120º, 13 mm

– teleobjetiva: 64 megapixels, f/2,0, 76º, 28 mm, OIS

– principal: 12 megapixels, f/1,8, 79º, 26 mm, OIS

– ultrawide: 12 megapixels, f/2,2, 120º, 13 mm

– teleobjetiva: 64 megapixels, f/2,0, 76º, 28 mm, OIS

– principal: 108 megapixels, f/1.8, 79º, 24 mm, OIS

– ultrawide: 12 megapixels, f/2.2, 13 mm,120º, AF

– teleobjetiva 1: 10 megapixels, f/2.4, 35º, 72 mm, OIS

– teleobjetiva 2: 10 megapixels, f/4.9, 10º, 240 mm, OIS

Câmera frontal

10 megapixels, f/2,2, 80º, 25 mm

10 megapixels, f/2,2, 80º, 25 mm

40 megapixels, f/2.2, 80º, 25 mm, AF

Bateria

4.000 mAh, recarga rápida, recarga sem fio e carregamento reverso (Wireless PowerShare)

4.800 mAh, recarga rápida, recarga sem fio e carregamento reverso (Wireless PowerShare)

5.000 mAh, recarga rápida, recarga sem fio e carregamento reverso (Wireless PowerShare)

Sistema operacional

Android 11 (One UI 3.1)

Android 11 (One UI 3.1)

Android 11 (One UI 3.1)

Conectividade

porta USB-C, 4G, 5G, Bluetooth 5.0, Wi-Fi 6, GPS e NFC

porta USB-C, 4G, 5G, Bluetooth 5.0, Wi-Fi 6, GPS e NFC

porta USB-C, 4G, 5G, Bluetooth 5.0, Wi-Fi 6, GPS e NFC

Mais

leitor de impressões digitais sob a tela e certificação IP68

leitor de impressões digitais sob a tela, certificação IP68 e ultra wideband (UWB)

leitor de impressões digitais sob a tela, certificação IP68 e ultra wideband (UWB)

Dimensões

151,7 x 71,2 x 7,9 mm

161,4 x 75,6 x 7,8 mm

165,1 x 75,6 x 8,9 mm

Peso

171 gramas

202 gramas

228 gramas

Cores

branco, cinza, rosa e violeta

prata, preto e violeta

prata e preto

Publicado originalmente em 22 de novembro de 2020.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
14 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

@LeandroCSC

Selfies sem aspecto boneca de cera. Será que finalmente a Samsung da um jeito nesse processamento? Pleno 2020 e ainda ter que reclamar sobre isso chega a ser piada … Tenho ctza que a ficha técnica vira muito boa. Espero mesmo é que venha com menos bugs como no S20 e que as atualizações não piorem recursos,algo comum em algumas atualizações da Samsung.

André Gorgen (@Banana_Phone)

Desde a época que criticavam a Samsung por vender a linha S com traseira de plástico, eu nunca me importei com isso, pois sempre uso capinha.
O que me importo é que seja um plástico de qualidade, como era na linha Lumia, não um plástico ruim e feio como foi no Galaxy S5.

Reinaldo Boson (@Ticano)

Falou tudo, galera fica falando de beleza do celular e a primeira coisa que faz é colocar uma capa de plástico no celular, ou alguém aí é vida louca pra usar o aparelho sem proteção arriscando um tombo e ralar ou quebrar o aparelho todo? O meu S10 tava a tanto tempo na capa que eu até esqueci qual era a cor dele, jurava que era preto e é azul Rsrsrsrs

² (@centauro)

A crítica, imagino eu, é mais no sentido de se cobrar tanto por um aparelho feito com um material supostamente barato e “inferior” (entre aspas porque depende muito do parâmetro que se usa pra se definir superioridade).

Claro que isso não leva em conta as especificidades do plástico que cada fabricante usa e os custos envolvidos.

Alberto Roberto (@ComentarioMilGrau)

Na época dos primeiros Galaxys a maioria dos celulares eram de plástico, até o 3G/GS da Apple eram assim. Tudo começou a mudar com o iPhone 4 e a HTC com o One M7. A partir daí as fabricantes começaram a escolher melhor o material de seus aparelhos como chamariz.

E concordo, os policarbonatos dos celulares da Nokia eram os melhores, assim como os da HTC com o One X e Windows Phone 8X.

PS: Menção honrosa à Motorola com os Razr de fibra de Kevlar.