Review Samsung Galaxy A54: equilíbrio é tudo

Com tela Super AMOLED de 6,4 polegadas e chip Exynos 1380, Samsung Galaxy A54 é um intermediário com poucos pontos negativos

Emerson Alecrim
Por
Samsung Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Samsung Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)

Lançado no Brasil com preço inicial de R$ 2.899, o Samsung Galaxy A54 5G não é um celular topo de linha, mas tem características interessantes, como tela Super AMOLED de 6,4 polegadas e 120 Hz, 8 GB de RAM e bateria de 5.000 mAh. Outros recursos incluem chip Exynos 1380 e câmera principal de 50 megapixels.

O Tecnoblog testou o aparelho por duas semanas. Nas próximas linhas, você descobrirá como o Galaxy A54 se comporta no dia a dia, quais são os seus pontos fortes e, claro, se essa é uma compra que vale a pena.

Aviso de ética

O Galaxy A54 foi cedido pela Samsung por empréstimo. Os reviews do Tecnoblog não têm intenção publicitária. Para conhecer nossa política editorial, acesse tecnoblog.net/etica.

Análise do Galaxy A54 em vídeo

Design familiar, mas elegante

O Galaxy A54 tem um visual que remete ao Galaxy S23. O design não é novo, portanto. Contudo, a traseira de vidro dá elegância ao dispositivo. Já as bordas são feitas de plástico curvado. É um contraponto, mas pelo menos o plástico é firme e tem uma textura que ajuda na pegada.

A moldura é de plástico (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
A moldura é de plástico (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Porta USB-C e saída de áudio (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Porta USB-C e saída de áudio (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)

A desvantagem do vidro é o risco de danos em quedas. Em compensação, o Galaxy A54 tem certificação IP67, que garante resistência à água doce em profundidades de até 1 metro por até 30 minutos.

O aparelho enviado ao Tecnoblog tem a cor preta, mas o produto também está disponível em branco, violeta e verde lima.

Galaxy A54 tem traseira de vidro (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Galaxy A54 tem traseira de vidro (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)

Tela Super AMOLED

A tela é um painel Super AMOLED de 6,4 polegadas e resolução de 2340×1080 pixels. Isso significa que as cores são exibidas com vivacidade e a visualização sob ângulos laterais quase não tem perda de tonalidade.

Além disso, o brilho chega a 1.000 nits, nível suficiente para o uso do celular até com incidência de luz solar. A taxa de atualização de até 120 Hz é outro ponto positivo, embora o smartphone venha configurado por padrão para trabalhar a até 60 Hz.

As bordas da tela podem ser consideradas um tanto generosas por alguns usuários. Mas isso só é verdade na parte inferior e, ainda assim, discretamente. De modo geral, as bordas do visor não têm espessura muito diferente daquela existente no iPhone 14 ou em outros modelos da própria Samsung.

A tela do Galaxy A54 tem brilho intenso (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
A tela do Galaxy A54 tem brilho intenso (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)

Software: Android 13 e quatro atualizações

O Galaxy A54 vem com o Android 13 e a interface One UI 5.1. O visual é aquele que já conhecemos: ícones com cantos arredondados, menu de configurações bem organizado e efeitos de transição discretos.

Tampouco há mudanças funcionais. Estão presentes ferramentas como Smart View, para exibir o conteúdo do smartphone em uma tela, e Quick Share, para compartilhamento rápido de arquivos. O mesmo vale para os apps clássicos da Samsung: Bixby, Health, Wallet, entre outros.

Interface One UI 5.1 no Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Interface One UI 5.1 no Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)

No quesito aplicativos, só é preciso tomar cuidado para, durante a configuração do aparelho, não autorizar a instalação automática de apps que não te interessam (se for o caso), como Kwai, Shopee e alguns joguinhos.

Sobre o software, a parte mais interessante é a política de atualizações oferecida Samsung. A exemplo de outros modelos da marca, o Galaxy A54 vai receber quatro gerações do Android, além de updates de segurança por cinco anos.

Câmera principal de 50 megapixels

No review do Samsung Galaxy A53, mostramos que o aparelho vem com quatro câmeras na traseira. O Galaxy A54 tem três, não trazendo a câmera de profundidade. Mas o trio dá conta do recado. Melhor dizendo, a dupla. Você já vai entender.

Módulo traseiro de câmeras do Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Módulo traseiro de câmeras do Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)

A principal tem um sensor de 50 megapixels que registra imagens com boa definição, saturação de cores bem controlada e pouquíssimo ruído, mesmo em dias nublados. Não parece existir queda de qualidade em relação à câmera de 64 megapixels do Galaxy A53.

É possível perceber uma relação de contraste mais intensa aqui, mas não exagerada. Isso pode ser ruim em ambientes com luz reduzida. É possível escapar desse problema usando o modo noturno, embora ele não evite uma certa queda de definição nessas circunstâncias.

Foto com a câmera principal do Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Foto com a câmera principal do Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Foto com a câmera principal do Galaxy A54 em 2X (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Foto com a câmera principal do Galaxy A54 em 2X (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Foto com a câmera principal do Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Foto com a câmera principal do Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Foto com a câmera principal do Galaxy A54 em 2X (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Foto com a câmera principal do Galaxy A54 em 2X (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Foto com a câmera principal do Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Foto com a câmera principal do Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Modo retrato com a câmera principal do Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Modo retrato com a câmera principal do Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)

O modo noturno também exige que você segure o smartphone com firmeza por alguns instantes para evitar borrões, o que não surpreende. A câmera principal consegue ser a mais rápida à noite, talvez por ter estabilização óptica (OIS). Ainda assim, é preciso ter firmeza nas mãos.

Modo noturno com a câmera principal do Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Modo noturno com a câmera principal do Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)

Um detalhe interessante é que o aplicativo de câmera usa o sensor principal para também fazer fotos e vídeos com aproximação de 2X. Então, tudo o que foi dito anteriormente vale para esse modo.

Diferenças de qualidade ficam perceptíveis na câmera grande angular. Ela também alcança bom controle de ruído. No entanto, as fotos com ela costumam ser menos vívidas em comparação com a câmera principal e ter um pouco menos de definição.

Foto com a grande angular do Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Foto com a grande angular do Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Modo noturno a grande angular do Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Modo noturno com a grande angular do Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)

Nas filmagens, o app de câmera permite mudar de sensor durante o procedimento. Com isso, as diferenças de vivacidade entre as duas câmeras ficam ainda mais evidentes. Aqui, vale destacar que o Galaxy A54 pode gravar em 4K e 30 fps.

Só não guarde expectativas para a câmera macro. Com seus 5 megapixels, as fotos com ela têm definição sofrível. Parece que essa câmera foi colocada ali só para ocupar espaço.

Foto macro com o Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Foto macro com o Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)

A câmera frontal, com 32 megapixels, não empolga, mas não é ruim. Ela registra fotos e vídeos com níveis de detalhamento e saturação de cores satisfatórios. Nos testes, o modo retrato faz corretamente o recorte da pessoa em primeiro plano.

Selfie com modo retrato no Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Selfie com modo retrato no Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Selfie com o Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Selfie com o Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)

Desempenho: o Exynos 1380 presta?

O Samsung Exynos 1380 é um chip com quatro núcleos Cortex-A55 (eficiência energética) e quatro Cortex-A78 (desempenho). Eles são complementados com a GPU Mali-G68. É um conjunto intermediário que, até certo ponto, rivaliza com o Snapdragon 778G, da Qualcomm.

Navegadores de internet, aplicativos de redes sociais e serviços de streaming, como YouTube e Netflix, rodam com desenvoltura aqui. Quedas de desempenho só foram notadas nos jogos Mario Kart Tour e Genshin Impact.

Desempenho do Galaxy A54 no Geekbench 5 e 3DMark (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Desempenho do Galaxy A54 no Geekbench 5 e 3DMark (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)

Foi um problema pouco expressivo. Houve quedas na taxa de frames por segundo que não prejudicaram a experiência de jogar. Também foi possível perceber um aquecimento do smartphone durante a jogatina. Mas, de novo, nada capaz de atrapalhar.

No geral, os aplicativos abriram rapidamente e não houve engasgos na alternância entre eles. Em parte, isso é mérito dos 8 GB de RAM do celular, quantidade padrão para os intermediários atuais.

O aparelho conta ainda com 128 GB (versão testada) ou 256 GB de armazenamento expansíveis com microSD de até 1 TB.

Tela do Samsung Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Tela do Samsung Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)

Boa duração de bateria

Assim como no Galaxy A53, o Galaxy A54 traz bateria de 5.000 mAh. O componente apresentou boa autonomia com a execução destes testes:

  • Netflix com brilho máximo por quatro horas (dois filmes)
  • meia hora de Instagram
  • uma hora de Spotify via alto-falantes
  • cerca de 40 minutos de Mario Kart Tour e Genshin Impact (somados)
  • web por meia hora com o navegador nativo

Os testes começaram de manhã com 100% de carga. Às 22:00, a bateria registrava 52%. O resultado sugere que, com uso moderado, é possível deixar o A54 um dia inteiro longe da tomada.

A embalagem do smartphone traz carregador, mas de 15 W. Com ele, o tempo de recarga de 13% para 100% foi de 2h15min. Sim, demorado.

Samsung Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Samsung Galaxy A54 (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)

Galaxy A54: vale a pena?

Se o desempenho é o que mais nos interessa em um celular topo de linha, em modelos intermediários, esperamos equilíbrio de recursos. O Galaxy A54 é notável nesse quesito. Não há nenhuma característica aqui que deixa a desejar para ser compensada por outra.

A tela Super AMOLED permite consumir vídeo ou jogar até em ambientes claros. A bateria tem autonomia dentro do esperado para um intermediário. O conjunto de hardware liderado pelo Exynos 1380 dá conta de todas as tarefas, ainda que tenha que se esforçar em atividades exigentes.

Já as câmeras não alcançam os resultados da série Galaxy S, mas fazem fotos e vídeos caprichados, principalmente para quem aprecia cores mais saturadas (mas sem exageros).

Ok, a câmera de macro é dispensável. Mas como ela não atrapalha a experiência com fotos e vídeos, podemos fazer vista grossa para ela. O carregador poderia ser mais rápido, mas pelo menos ele acompanha o smartphone.

Dentro dos padrões atuais, os preços dos varejistas não estão ruins. O Galaxy A54 foi lançado no Brasil custando oficialmente R$ 2.899 na versão de 128 GB, mas já é possível encontrá-lo por cerca de R$ 2.000. A versão de 256 GB foi lançada por R$ 3.399, mas já custa por volta de R$ 2.500 no varejo.

De modo geral, o Galaxy A54 é uma opção interessante para quem busca um celular versátil, mas não quer pagar um valor muito alto por isso.

A câmera frontal do Galaxy A54 tem 32 megapixels (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
A câmera frontal do Galaxy A54 tem 32 megapixels (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)

Samsung Galaxy A54 5G — ficha técnica

  • Tela: 6,4 polegadas, Super AMOLED, 2340×1080 pixels, 120 Hz
  • Processador: octa-core Samsung Exynos 1380 com GPU Mali-G68 MP5
  • RAM: 8 GB
  • Armazenamento: 128 GB ou 256 GB
  • Câmeras traseiras:
    • Principal: 50 megapixels, f/1,8, OIS
    • Grande angular: 12 megapixels, f/2,2
    • Macro: 5 megapixels, f/2,4
  • Câmera frontal: 32 megapixels, f/2,2
  • Bateria: 5.000 mAh
  • Conectividade: USB-C, Wi-Fi 6, Bluetooth 5.3, NFC, GPS, Glonass, Beidou, Galileo, QZSS, 3G, 4G, 5G, dual SIM
  • Sensores: acelerômetro, impressão digital sob a tela, giroscópio, bússola, luminosidade, proximidade
  • Sistema operacional: Android 13 com One UI 5.1 e quatro atualizações de versão
  • Outros: áudio estéreo, cores grafite, branco, violeta e lima (verde claro), certificado IP67, estrutura de plástico, traseira de vidro
  • Dimensões: 158,2 x 76,7 x 8,2 mm
  • Peso: 202 g

Review Samsung Galaxy A54

Prós

  • Ótima tela para consumo de conteúdo
  • Bateria com autonomia satisfatória
  • Desempenho decente para a categoria
  • Proteção IP67 é bem-vinda
  • Android com quatro atualizações de versão

Contras

  • Câmera de macro sobrando
  • Um carregador mais rápido seria ótimo
Nota Final 9
Bateria
9
Câmera
8
Conectividade
10
Desempenho
8
Design
8
Software
10
Tela
10
Emerson Alecrim

Emerson Alecrim

Repórter

Emerson Alecrim cobre tecnologia desde 2001 e entrou para o Tecnoblog em 2013, se especializando na cobertura de temas como hardware, sistemas operacionais e negócios. Formado em ciência da computação, seguiu carreira em comunicação, sempre mantendo a tecnologia como base. Em 2022, foi reconhecido no Prêmio ESET de Segurança em Informação. Participa do Tecnocast, já passou pelo TechTudo e mantém o site Infowester.

Relacionados

Relacionados