A internet ficou mais barata no Brasil? As discussões na Comunidade do TB

Lista de credores da Americanas, golpe do pix no Instagram e combate ao compartilhamento de senhas da Netflix foram alguns dos destaques da semana

Victor Toledo
Por
• Atualizado há 6 meses
Seria o fim das grandes operadoras? (Imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)

Toda semana uma série de tópicos são criados no fórum do TB com questões que deixam nossos leitores curiosos. Instagram exibindo anúncios de “robô do Pix”? Tem como limitar a velocidade da internet para alguns dispositivos? Confira nas linhas a seguir tudo que rolou de importante na Comunidade entre 21 e 27 de janeiro.

Na última semana, o usuário Anderson Antônio fez um questionamento aos outros membros da Comunidade do TB: por que os custos de internet no Brasil diminuíram com o passar dos anos?

Segundo o relato, tem se notado um crescimento das operadoras regionais de internet fixa que passaram a oferecer velocidades maiores de internet fixa a preços baixos.

“Hoje em dia, grande parte dos pequenos provedores vende internet fixa de 1 Gb/s de velocidade de download a menos de 200 reais por mês no Brasil.

A discussão que faço nesse tópico é a seguinte: com os custos da internet diminuindo absurdamente no Brasil, como as operadoras poderão fidelizar clientes de banda larga fixa no futuro?

E quais são os caminhos para que os provedores de internet no Brasil poderiam ter para conseguirem maior lucratividade nos seus planos de internet? Seria a hora de os provedores começarem a embutir SVA’s nos planos com serviços de streaming ou IPTV?

Como os provedores brasileiros se adaptaram ao oferecer velocidades maiores de 2 Gb/s de download”

Anderson Antônio, membro da Comunidade

Em resposta, alguns usuários concluíram que a desburocratização implementada pela Anatel, além da queda dos custos com infraestrutura, foram alguns dos fatores determinantes para o preço ter se mantido baixo.

Além disso, há quem garante que a implementação da tecnologia 5G também foi fundamental.

Relato de membros da Comunidade (Imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)
Relato de membros da Comunidade (Imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)

Para saber mais sobre o assunto, e também participar dos debates, acesse o tópico na Comunidade do TB. Seu comentário é sempre bem-vindo.

Abaixo, confira outros assuntos que bombaram na semana.

Outros tópicos que repercutiram na Comunidade

Dúvidas sobre CPF, navegação em Smart TVs e mais. Acesse os tópicos abaixo para entender melhor como foi a última semana na Comunidade do TB.

  1. CPF na hora da entrega
  2. Como navegar na web através de uma Smart TV?
  3. Celular Android que não sai da tela de recovery
  4. Como limitar a velocidade da internet para alguns dispositivos

Além das discussões propostas pelos membros, nossa equipe de autores produz uma série de matérias, reportagens e reviews que também rendem debates.

Veja, a seguir, as discussões que mais fizeram sucesso.

Netflix vai combater o compartilhamento de senhas (Imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)
Netflix vai combater o compartilhamento de senhas (Imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)

As 5 melhores discussões sobre pautas do Tecnoblog

  1. Instagram exibe anúncios de “robô do Pix” e acha que está tudo bem
  2. Netflix vai expandir combate a compartilhamento de senha até março
  3. Americanas revela lista de credores, e dívida com Samsung passa de R$ 1 bi
  4. Telegram rebate decisão do STF para derrubar canal de deputado bolsonarista
  5. Twitter proíbe apps de terceiros; Tweetbot e Twitterrific encerram atividades

A matéria que mais rendeu debate na última semana se trata do uso do serviço de anúncios do Instagram por golpistas.

De acordo com a matéria publicada pelo Felipe Freitas na última semana, o Instagram está permitindo que golpistas utilizem o serviço de anúncios da plataforma para divulgarem o golpe chamado “Urubu do Pix”.

Com os ads na rede social, os criminosos divulgam as tabelas de “investimento” e prometem o retorno imediato do lucro referente ao valor transferindo pelo Pix. Por exemplo, R$ 50 geraria R$ 500 de retorno.

Perguntamos à Meta por que esses casos de fraudes passam pela análise da empresa e não são eliminados após denúncias. Porém, não tivemos resposta.

Instagram exibe golpes em seus anúncios (Imagem: Vitor Pádua / Tecnoblog)
Instagram exibe golpes em seus anúncios (Imagem: Vitor Pádua / Tecnoblog)

Outro assunto que sempre rende debate é a luta da Netflix para combater o compartilhamento de senhas do serviço de streaming.

A plataforma de streaming informou que pretende levar as medidas para conter o uso de contas em endereços diferentes para mais pessoas. O anúncio partiu do relatório financeiro do quarto trimestre de 2022 revelado na última semana.

As medidas de contenção já estão em ação em alguns países de América Latina desde junho de 2022. Agora, a companhia quer implementar o compartilhamento pago de forma mais ampla até o dia 31 de março de 2023.

Fachada da Americanas
Americanas (Imagem: Divulgação/Americanas)

Por fim, completando o top 3 da semana, está a divulgação da lista de credores do rombo da Americanas.

Com dívidas que passam dos R$ 40 bilhões, a empresa entrou com pedido de recuperação judicial, para suspender os pagamentos.

Entre os documentos publicados em seu site de relacionamento com os investidores, está a relação de credores. Com quase 8 mil nomes, a lista traz empresas como Samsung, Apple, Motorola, entre outras.

Esses foram os assuntos mais comentados da semana, pessoal. Não deixem de acompanhar o Tecnoblog e participem das discussões na Comunidade.

Relacionados