RS: Todas as cidades voltam a ter sinal de telefonia e internet

Abrigos na região vão receber Wi-Fi grátis. Oi participa do projeto de instalação de fibra ótica.

Thássius Veloso
Por
• Atualizado há 1 semana
Imagem aérea de cidade sob forte alagamento
Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, passa por enchente histórica (Foto: Ricardo Stuckert/Presidência da República)

O governo federal informou que todas as cidades do Rio Grande do Sul contam com algum sinal de telefonia e de internet, cerca de dez dias após o início da força-tarefa para retomar os serviços na região, fortemente castigada por chuvas e enchentes.

Ao menos no que diz respeito ao sinal de internet móvel, as últimas três cidades classificadas como totalmente sem conexão foram Colinas, Ivorá e Tunas. A situação foi resolvida ontem (dia 14).

Ainda assim, o serviço de internet móvel está longe do ideal: 125 cidades permanecem com rede parcialmente prejudicada, enquanto outros 372 municípios contam com conexão total. Os dados são da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Até as cidades mais atingidas pelos alagamentos contam com o sinal de ao menos uma operadora. As empresas do setor abriram a possibilidade de roaming durante o período emergencial. Isso significa que um cliente da Claro consegue se conectar na rede da TIM caso seja a única disponível na localidade. A Vivo também participa da iniciativa.

Colagem com três fotos. Nelas é possível ver cabos num veículo, uma pessoa limpando uma área alagada e baterias repletas de lama.
Funcionários de provedores regionais atuam na reativação da banda larga no RS (Imagem: Reprodução/Abrint)

Provedores regionais de banda larga fixa também estão atuando desde o início da crise no Rio Grande do Sul. O presidente da Associação Brasileira de Provedores de Internet e Telecomunicações (Abrint), destaca o uso de geradores, barcos e motos aquáticas para restabelecer o serviços. “Graças a esses provedores, o acesso está disponível em abrigos, hospitais, escolas e órgãos públicos”, completa.

O Ministério das Comunicações e o Ministério da Integração e do Desenvolvimento Regional iniciaram nesta quarta-feira (dia 15/05) a instalação de Wi-Fi gratuito nos abrigos. O primeiro deles fica no campus da Universidade Luterana do Brasil (Ulbra), na cidade de Canoas, considerado o maior do estado.

Todos os abrigos terão conexão de graça, segundo o governo. A fibra ótica será fornecida pela Oi.

Receba mais sobre Rio Grande do Sul na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Thássius Veloso

Thássius Veloso

Editor

Thássius Veloso é jornalista especializado em tecnologia e editor do Tecnoblog. Desde 2008, participa das principais feiras de eletrônicos, TI e inovação. Na mídia, também atua como comentarista da GloboNews e da CBN, além de ser palestrante, mediador e apresentador de eventos. Já apareceu no Jornal Nacional, da TV Globo, e publicou artigos na revista Galileu e no jornal O Globo. Ganhou o Prêmio Especialistas em duas ocasiões e foi indicado diversas vezes ao Prêmio Comunique-se.

Canal Exclusivo

Relacionados