Início » Telecomunicações » Anatel libera TIM, Claro e Oi para vender novas linhas

Anatel libera TIM, Claro e Oi para vender novas linhas

Liberação foi feita após operadoras apresentarem planos de investimentos.

Lucas Braga Por
7 anos atrás

Claro, TIM e Oi já podem comemorar: após longos 11 dias suspensas de vender novas linhas em 26 estados brasileiros e o Distrito Federal, a Anatel liberou as vendas de novas linhas das operadoras. A mais prejudicada foi a TIM, que foi impedida de vender chips em 18 estados e mais o Distrito Federal. A liberação foi feita mediante a apresentação de seus planos de investimentos, especificando como o serviço pode melhorar até 2014.

Dessa vez, a Anatel não pegou leve. A TIM, por exemplo, apresentou diversas edições de seu plano de investimentos, sendo que a Anatel chegou a considerar como "esboço" um documento com mais de 800 páginas. O mesmo aconteceu com Claro e Oi, que tiveram seus primeiros planos de ação recusados e precisaram adequá-los até agradar a João Batista Rezende, presidente da agência.

TIM, Claro e Oi já podem vender suas linhas em paz

O anúncio foi feito nesta quinta-feira (2) em uma coletiva de imprensa. As operadoras que foram bloqueadas tem tudo a comemorar, já que a restrição foi retirada antes do Dia dos Pais. Apesar de não terem sido suspensas, Vivo, CTBC e Sercomtel também estão na mira da Anatel e deverão melhorar sua qualidade. Para isso, a Anatel irá aferir as propostas de melhoria dessas operadoras, que devem ser entregues até o dia 23 de agosto

Entretanto, por mais que as vendas das operadoras já estejam liberadas, a Anatel deixou bem claro que irá fiscalizar e acompanhar os indicadores de qualidade das operadoras diariamente. Ainda, a agência fecha o cerco com um novo tipo de fiscalização, que envolve antena por antena durante três meses. Essas medidas irão verificar tanto o serviço de voz quanto o serviço de dados.O diretor pede paciência ao usuário, e aponta que as melhorias não podem chegar de um dia pro outro.

A Anatel se comprometeu a fazer uma análise mais profunda a cada três meses em todas as operadoras. Isso inclui as condições de sinal, regularidade de antenas, reclamações em atendimento, quedas dos serviços de voz e qualidade dos serviços de dados. Para isso, cada operadora possui um sistema interligado diretamente à agência. A última fiscalização foi feita logo antes do anúncio da interrupção da suspensão.

A Claro se posicionou sobre a decisão. A operadora afirma que antecipou o investimento de R$ 6,1 bilhões, e que seu plano de ação promete "manter a qualidade na rede, melhorar o atendimento e oferecer a capacidade necessária para atender a demanda durante a Copa do Mundo e as Olimpíadas no Brasil". Além disso, a operadora se defende quando diz que os problemas são pontuais e se referem ao serviço de atendimento ao consumidor.

Já a Oi afirma que "reitera o compromisso com a evolução da qualidade do atendimento dos serviços de telefonia celular no Brasil e acredita que o investimento de R$ 24 bilhões, previsto para o período de 2012 a 2015, é adequado para atender a demanda planejada de telecomunicações". Ainda, a operadora afirmou que no plano de ação entregue a Anatel estão incluídos aumentos de cobertura 2G e 3G bem como a implantação do 4G em LTE.

Por fim, a TIM informou que "o plano [de ação] prevê a ampliação de 33% da capacidade da rede até o final de 2012 e mais de 70% até 2014 em relação a 2011, bem como redistribuição de investimentos, alocando R$ 451 milhões para os projetos destinados à Melhoria da Qualidade ainda este ano", e que só nesse semestre foram investidos R$ 1,6 bi referentes à infraestrutura de redes e integração da rede móvel com a malha de fibras ópticas da TIM Fiber. Até 2014 a operadora planeja investir  R$ 9,5 bi, onde estão embutidos o valor gasto com as licenças de operação em 3G e 4G.

É a primeira vez que a Anatel tomou uma medida tão forte quanto essa, impedindo operadoras de todo o país a habilitar novas linhas. Tenho certeza que o susto vai pressionar as operadoras (especialmente a TIM) para que elas mantenham um mínimo de qualidade. Que a Tia Ana continue assim.

Atualizado às 19:35

Mais sobre: , , ,